O PAPEL DAS SOMBRAS NO TERRORISMO DIGITAL


O jogo suicida Baleia Azul é mais uma criação desenvolvida pelos especialistas de redes sociais, internet e tecnologias sombrias do Astral inferior. Somados ao game macabro, suicídios ao vivo e, agora, assasinatos transmitidos em tempo real.

Acredito que estas transmissões ao vivo estejam facilitando a vida mortuária destes vampiros energéticos, já que a humanidade preza também pelo ego e pela fama.

Não tardará a chegada de alguns jogos onde o desenlace final seja a morte ou o assassinato de animais e pessoas, ou mesmo a utilização de um whatsapp, com chamadas de video, para sequestrar e aterrorizar aos outros...

Além do assédio sexual infantil pelas redes que, certamente, podem ser usados para cometer algum abuso, contribuir para o tráfico e prostituição infanto-juvenil ou até mesmo para concretizar um estupro com hora e local marcados?

Temos que evitar isso tudo a todo o custo!!!

É chegada a hora dos pais (mesmo os mais cibernéticos) intervirem mais coercitivamente nas redes das crianças e adolescentes. E as redes sociais, na minha opinião, deveriam cessar um pouco suas inovações tecnológicas em prol à humanidade. Uma das sugestões é retirar a ferramenta das transmissões ao vivo...

No terrorismo, a atuação que mais chama a atenção atualmente é a dos lobos solitários, verdadeiros homens-bomba, soldados solitários de uma causa que eles julgam como sendo justa. Neste terrorismo psicológico digital, os lobos solitários também são usados pelas forças trevosas e agem como verdadeiros instrumentos das sombras. O objetivo é colecionar almas atormentadas, aqui e no plano estrafísico umbralino.

Os adolescentes são os alvos prediletos.

Cabe a nós cuidarmos dos nossos, de todos eles. Fiquem atentos, não desgrudem e vigiem seus passos, além dos físicos, os virtuais.

Comentários

Postagens mais visitadas