23.12.11

NATALIS ESCULHAMBADIS, QUO VADIS?

Neste natal há uma série de posts em redes sociais que mostram os "Papais Noéis" sarados, de tanquinhos, bombadinhos e as Mamães Noelas gostosas e periquetes. Nada contra os(as) modelos que ganham dinheiro para fazer isso. Mas, o que já era esculhambado, agora está declaradamente profano e sem sentido. O que de alguma maneira é bom porque este tal de NATAL não é uma data crística, muito pelo contrário, é muito mais greco-romana (leiam o meu livro "Eu, Pilatos" e vocês saberão...) para comemorar Mitra, o deus solar de Roma.

Eu já acho que este tal de Noel é um farsante mesmo. Primeiro porque é o rei do marketing e do consumismo. Depois porque é injusto e cruel com as classes econômicas menos favorecidas. Terceiro porque tomou o lugar da razão simbólica do aniversário fake de Jesus.

Vou perguntar, ah se vou e você há de responder com toda a sinceridade... Quantas vezes você pensa em Jesus no Natal? Uma? Nenhuma? A esmagadora maioria não pensa. Tenho absoluta certeza disso. Pensa em comprar e ganhar presente, no amigo secreto que você fala mal o ano inteiro, nas cachoeiras alcoolicas que você vai nadar até o fim do ano, no banquete que vai devorar como se nunca tivesse comido....

Quando os hinduístas comemoram o nascimento de Krishna, eles dançam e cantam Govinda, Gopala, o dia inteiro em louvor ao seu Mestre maior. Quando os budistas festejam o Buda, há meditações e reflexões o dia inteiro. Quando os muçulmanos lembram do nascimento de Maomé, há orações e peregrinações à Meca. Quando chega Jesus é aquela baixaria, comidaria, bebidaria, sexaria, sacanageria, gente bêbada por todos os lados, brigas de família, azaração, depressão, tristeza, estresse, entre outros.

E agora me responda de verdade: o que você comemora mesmo???





22.12.11

5 - Eu te Amo - SÉRIE "AS 100 MELHORES MÚSICAS DO BRASIL"

A canção "Eu te Amo", de Sueli Costa e Cacaso, deve ser de 1982 (não confunda com Eu te Amo do Chico Buarque). Sim, me recordo disso porque foi exatamente este ano que eu estava apaixonado e esta canção calava fundo em meu peito e no coração da mulher amada, naquela época uma menina.

A interpretação de Nana Caymmi dá um toque de melancolia e densidade. Certa vez, quando estana na TV Gazeta, fui comentar com a Nana sobre esta música. Ela foi simpática e carinhosa e me disse: -ah, esta canção é maravilhosa! Ela toca em mim também.

"Eu te Amo" é curta e intensa, assim como são as paixões. Creio que é umas obras que mais têm a ver com este estado passional. Curiosamente, a música termina com a frase Eu te Amo.

http://letras.terra.com.br/nana-caymmi/945749/

http://www.youtube.com/watch?v=5nSrUBpavxA

21.12.11

60 ANOS DE UNIÃO!!!

São 60 anos de união! Já pensou? Hoje, 21 de dezembro, meus pais comemoram 60 anos de casamento!

Eu já consegui ficar um pouco mais de 60 meses com uma ex-namorada, foi o máximo de tempo.
Muitas pessoas me perguntam qual a razão da minha tristeza por não ter encontrado, de fato, a mulher amada, a mulher da "minha vida". Já até me chamaram de "mal resolvido"...

Mas, eu tenho um exemplo de um romance lindo e eterno em casa. 60 anos!

E não podemos dizer que não houve crises. Sim, mas estas fortaleceram ainda mais a união. Brigas, destemperos, desacordos fazem parte de uma vida em comum. E quem tiver Tolerância Zero não consegue ficar nem 60 dias.

Não consigo escrever um texto especial e específico para esta data. Só posso dizer que já comemoramos em grande estilo no sábado passado e ficamos muito felizes com isso. Não há palavras para agradecer. Só gestos.

E não há foto melhor para ilustrar do que um dos frutos deste amor tão duradouro: eu.

Queridas Bipolares e Histéricas

Não sou muito afeito aos relacionamentos tão fáceis, sem nenhum entrave, nenhuma dificuldade. Acho que a mulher deve valorizar um pouco o seu "passe", mas nem tanto... Há um ditado que diz: quando a dama diz "não" pode estar querendo dizer "talvez"; quando a dama diz "talvez", isso pode ser um "sim"; quando a dama, logo de cara, diz "sim", não é uma dama.
É mais ou menos isso...

No entanto, quando a conquista vira uma Saga, uma Epopéia, um roteiro interminável, pode ter certeza que não vale à pena. Equilíbrio, sempre! Não pode ser tão mole, mas também nem tão duro. O que vem fácil, vai fácil. O que vem difícil, é muito difícil sair também. Vira uma sombra.

Mas, uma coisa é unânime: as melhores coisas são as mais simples e naturais, sem tanta jogatina. Estou passado com este "jogo" de sedução perturbador. Não aquento mais isso. Também não suporto mais ataques de histeria e bipolaridade. A maioria das mulheres, principalmente até os 30 (sim porque a demanda de homens ainda é grande, mas isso termina já...) é Histérica! O negócio delas é ser amada a qualquer preço. Elas não gostam de ninguém. Como a estima delas é bem baixa, elas procuram se "auto-afirmar" na conquista dos outros. Quando a preza é conquistada não serve mais...

Queridas Bipolares (que alteram o humor e as resoluções da vida a cada 15 minutos) e Histéricas (cujo mote da vida é a conquista e a sedução para se convencerem que são amáveis): vocês não necessitam de namorados e sim de terapeutas. Por gentileza, marquem uma consulta!

20.12.11

4 - LÁBIOS QUE BEIJEI - Série "As 100 MELHORES MÚSICAS DO BRASIL"


O Brasil é um país sem memórias.
Esta valsa, composta por J. Cascata e Leonel Azevedo (foto), em 1937, é uma das melodias mais belas do cancioneiro popular brasileiro.
Orlando Silva, na minha visão o melhor cantor do Brasil de todos os tempos, teve um grande sucesso na época. O link para a audição é este:
http://cifrantiga3.blogspot.com/2006/04/lbios-que-beijei.html

Caetano Veloso também gravou a canção. Ficou um acepipe musical dos mais degustativos.
http://letras.terra.com.br/caetano-veloso/549195/

Música não tem tempo. É eternidade.

O NATAL (sob a inspiração de Ramatys)

Ao invés de empanturrar-se de carnes gordurosas, empanturre-se de amor ao próximo, assim como a ti mesmo.
Em vez de abusar das bebidas alcoolicas, abuse da sua sabedoria e fique em paz. Seja a paz!
Troque a troca de presentes pela presença do seu amor à família.
Dê um abraço bem forte em seus amigos declarados, jamais ocultos.
Abra os presentes da esperança por um porvir melhor.
Ilumine as suas árvores com as luzes do discernimento.
Enfeite-as com os ramos da alegria.
Brinde à vida com as espumas do contentamento.
Todos nós somos Papais Noéis ao próximo.
Cada abraço, cada sorriso, cada brinde, cada cântico, cada beijo, cada acalanto é um presente incalculável que jamais será esquecido.
Comemore o nascimento do Cristo Vivo.
Recorde-se Dele.
Apenas este gesto já terá valido a pena ter sido celebrado.
A lembrança afetuosa do Seu Natal.

(sobre inspiração de SRY RAMATYS)

19.12.11

3 - Vento de Litoral - Série "As 100 MELHORES MÚSICAS DO BRASIL"

Toda vez que escuto esta canção "Vento de Litoral" (até o título é bonito) me emociono demais da conta. Certa vez, ao ouvir essa música no carro chorei com soluços e lembrei de um amor que deixei na última vida... Loucura né, mas esta era a sensação...

Estes versos me causam arrepios na espinha dorsal e tocam minha alma romântica e mentirosa:
Agora está tão longe ver a linha do horizonte me distrai
Dos nossos planos é que tenho mais saudade
Quando olhávamos juntos
Na mesma direção
Aonde está você agora
Além de aqui dentro de mim...

E a garra com que o Renato Russo canta esta canção é de assombrar.

Aqui o link da parceria histórica da Cássia Eller e o Renato Russo:
http://www.youtube.com/watch?v=I5jZZlBDe8s



16.12.11

BRASIL PRECISA DE LEIS RÍGIDAS CONTRA OS MAUS TRATOS E MORTES DE ANIMAIS

Como classificar um ser que agride um animal o espancando até a morte? Não há classificação no reino animal, mineral ou vegetal. Gente não é. Eu só posso chamar de...sei lá...bactéria, vírus...? Pode ser assim. Uma bactéria ou um vírus é um ser deprezível cuja função é apenas causar um malefício, sabendo que, mesmo algumas bactérias são benéficas so mundo.

Ocorre que o mundo está FARTO de ler, ver, ouvir, saber das atrocidades destes seres virulentos contra a natuteza, principalmente os animais. E não só os domésticos, são maldades de todos os tipos e tamanhos, expressões de sadismo sem precedentes.

Não quero aqui ficar enumerando os absurdos destes seres sem alma e sem mente. E também não acredito que estes seres vão amadurecer, crescer ou criar vergonha e luz nas próximas 50 vidas. Por não crer na evolução destes seres pelo amor e pela sebedoria, só nos resta um mecanismo de crescimento, a dor. Sim, a dor que ensina. Não é pagar na mesma moeda, mas PUNIR, evitar e prevenir contra outros atos tão ou mais insanos.

Enquanto este País não tiver uma legislação forte e que proteja o meio ambiente, seja no meio rural ou urbano, vamos continuar assistindo a estas carnificinas que rondam todos os dias as páginas da internet e das redes sociais.

Qual seria a pena de um vírus infecto que espancasse até a morte uma senhora de 80 anos?

O Brasil deve começar a aplicar uma lei rígida que proteja a fauna e a flora, os animais domésticos e de rua. Primeiramente, o Governo Federal deveria proibir a prática de esportes ou atividades pseudo culturais e folclóricas que usem os animais, leiam-se: rodeios, farras do boi, rinhas e circos (neste caso, os profissionais circenses devem se adaptar a um circo sem bichos. E vocês hão de convir que o melhor circo do mundo não usa animais: Circo de Soleil).

Posteriormente, toda a agressão a animais, seja em casa ou em vias públicas ou privadas deve ser punida com multa pesadíssima, além de detenção. Assassinatos de animais domésticos e aos animas que não são considerados de corte ou abate devem ser punidos com anos e anos de cadeia. E mesmo os animais de corte e de abate não podem ser torturados e suas mortes devem ser respeitadas e rápidas, indolores, com penas graves às indústrias que praticarem o contrário.

ESTÁ MAIS DO QUE NA HORA DE CRIAR, MUDAR OU ALTERAR A LESGISLAÇÃO EM RESPEITO AOS ANIMAIS.

O MUNDO NÃO PODE TER MAIS LUGAR PARA ESTAS PRÁTICAS HEDIONDAS,  NEFASTAS E IMPUNES.

VAMOS FAZER BARULHO ÀS AUTORIDADES COMPETENTES???

VAMOS DEFENDER QUE É INDEFESO?

15.12.11

O Ciúme - Série "As 100 MELHORES MÚSICAS DO BRASIL"

Quando escuto "O Ciúme" do Caetano Veloso, sinto que estou à beira do Rio São Francisco, sozinho, eu e o meu barco - parece cena do filme "O velho e o mar", escrito pelo Hemingway. É uma toada nordestina com direito aos lamentos sertanejos no final.

O sol é  a flor do Chico. Um poema divinal do leão mestre Caetano.
Adoro a frase: "só vigia um ponto negro, meu ciúme"... bem leonino...
Foi gravada em 1987 pelo disco que eu chamo de José, com o Caetano na capa.

Eis os links:
http://letras.terra.com.br/caetano-veloso/44755/

http://www.youtube.com/watch?v=wv8lNrTXB4Q

14.12.11

CARINHOSO - SÉRIE "AS 100 MELHORES MÚSICAS DO BRASIL"

Hoje eu inauguro a séria série "As 100 melhores músicas do Brasil", exclusive as clássicas. Eu disse: EXCLUSIVE, isto é, tirando as canções eruditas.

A canção abre-alas da série não poderia deixar de ser o choro "Carinhoso", música de Pixinguinha composta em 1917. Só depois de 20 anos, em 1937, o Braguinha (João de Barro) fez a letra. Esta série não é uma pesquisa e sim, uma opinião pessoal.

Carinhoso é uma música que vai crescendo. Conta com uma nostalgia que impressiona. Gosto mais da melodia do que da letra, mas o tom lírico acompanha o choro. Há alguns anos atrás, a TV Globo fez uma eleição sobre as canções mais amadas dos brasileiros e Carinhoso ganhou a primeira colocação.

Aqui embaixo segue o link para a audição:
http://letras.terra.com.br/pixinguinha/358582/

9.12.11

Maurício Santini descobre Portugal!

Neste fim de ano, minha nau desembarca em Lisboa. Minha avó materna, Larinha dos Santos Mattos, ficaria orgulhosa! Quando eu tinha uns 6 ou 7 anos fiz meu primeiro poema e foi para a terrinha!

Lisboa me trará uma certa nostalgia. Quero navegar pelos mares destes descobrimentos e desvelar  assim as minhas origens. Museus, bondes, azulejos azuis. Já sinto o creme do Pastel de Belém e o aroma incondundível das castanhas.

Vou ao Porto, viajar por seus vinhos e ruelas. Passarei por Viseu para conhecer as aldeias de onde eu vim. Passarei o frio nevasco da Serra da Estrela, queijos!!! Visitarei Roma em Évora, e colocarei as mãos no Tejo.

Vou fazer história em Óbidos e escutarei a Amália Rodrigues cantando Coimbra. Ai, o fado!

Ah, este momento que não chega e que quero que seja eterno!

"Sei também quando é preciso pá, navegar, navegar..." (Chico Buarque)
Veja: http://www.youtube.com/watch?v=EDNaAxCWu6g

8.12.11

A FOTO DA VERGONHA


Esta foto é emblemática. E deveria ser reverenciada por aqueles que prezam a democracia. Mais ainda aos que defendem a ditadura militar e os mecanismos de tortura que usavam para arrancar "verdades". Reparem que a moça fotografada está sendo interrogada e coloca a cara pra bater, enquanto que o tribunal milico e infâme cobre o rosto de vergonha.

E ainda tem gente com saudade dos anos de prisão militar...

Outro dia escutei um dos meus ídolos do rádio, o Vicente Leporace, com seu sarcasmo e acidez dizendo que os chefes mililares Geisel e Figueiredo estavam reunidos para escolher os governadores de cada estado. Que reunião, hein? Foi numa destas que optaram pelo Paulo Maluf em São Paulo... E o Leporace dizia que muita gente iria morrer do coração quando soubesse quem seria o escolhido... Vicente Leporace morreu do coração dois dias depois de ter dito isso...

No entanto, a moça interrogada, cuja ficha policial foi tão manipulada pela extrema direita como bandida, assassina e ladra, hoje é a presidenta Dilma Rousseff. E aqueles que esconderam seus rostos estão esquecidos pelo Brasil.

7.12.11

BALZAC ARREPIADO POR PERIGUETES E NEURASTÊNICAS?

Honorè de Balzac se arrepiaria todo se vivesse numa época como agora... Sua preferência pelas mulheres acima de 30 anos era conhecida por toda a França. Mas, qual seria a sua opinião se Balzac vivesse nos tempos de hoje? Será que teria a mesma predileção?

Em seu tempo, as mulheres de 30 anos eram completamente diferentes do que são hoje. Naquela era, as mulheres com mais de 30 anos eram consideradas velhas e fora do mercado. Hoje, boa parte das mulheres de 30 anos está inteira, bela, enxuta, e mesmo mais fofinha, ainda está muito dentro das opções de paquera e namoro.

No entanto, há sempre aquele velho dilema: quando chegam aos 30 anos, as mulheres que nunca se casaram ficam desesperadas para arrumar alguém, para "não ficarem para titia". E as que foram casadas, fazem o movimento contrário - ficam loucas para cometerem as maiores bobagens, antes reprimidas pelo casamento.

Confesso que não gosto nem de uma e nem da outra postura porque acaba tudo na maior sabotagem sacana com elas próprias. Elas se auto-boicotam o tempo todo!

As desesperadas querem agarrar a qualquer preço e sufocam o pobre do homem. Conclusão: o cara se sente pressionado, detento e acaba desistindo... Daí, elas partem para a próxima vítima e repetem o mesmo padrão.

Já as loucas e ensancedidas, que pensam com a mentalidade dos 20 anos, acham que são "cocotas" (velho, não? mas, é o termo mais próximo que achei) e partem para o processo do Periguetismo (de periguetes)...

Isso acontece também com os homens, não se iludam!

Acho mesmo é que falta maturidade e coragem para ambos e ambas.

Enquanto isso, o medíocre e o abaixo da crítica ainda fazem sucesso.
Será desespero?

Crítica do meu livro Eu, Pilatos

Amigos e frequentadores do meu blog.
Leiam esta crítica da Flávia Neves.
http://escritoraflavianeves.blogspot.com/2011/12/sobre-o-livro-eu-pilatos-de-mauricio.html

5.12.11

PUNHO EM RISTE


PUNHO EM RISTE
Maurício Santini

Ah, este sentimento de triste alegria.
Esse meu pesar de euforia.
Esse campeão de luto.
Essa minha alegria triste!
Esse calcanhar de dor.
Essa luta em gol, esse punho em riste.
Esse Magrão cheio de Amor.
E com gratidão: Obrigado, Doutor!!!
Você ainda existe!

(EM HOMENAGEM AO DR. SÓCRATES)

2.12.11

A BUNDA QUE ALICIA AO ALCOOLISMO

A mesma bunda que vende cerveja é aquela que alicia ao seu filho pré-adolescente ou criança a tomá-la.

Os números do alcoolismo no Brasil crescem gradativamente. E o alcoolatra começa desde cedo, desde a infância. As propagandas das bebidas alcoolicas, permitidas no Brasil, não influenciam o adulto e o velho, mas são sinônimos de sucesso para as crianças e os adolescentes.

Uma bunda gostosa de um mulher loira, um bando de jovens se dando bem, um caranguejo que voa, uma série de artistas bem sucedidos, e por aí vai. O jovem que assiste a isso pensa que, a qualquer momento, tomando aquela gelada, 1, 2, 3 , 10 garrafas, será incluso na ordem dos poderosos e dos garanhões!

Propaganda de cerveja em nada difere à propaganda de tabaco, que já é proibida no Brasil. Os comerciais de cigarro dos anos idos mostravam jovens prósperos, ricos, aventureiros, esportivos e até românticos. Conclusão: o cara fuma, ganha a mulherada, é bem sucedido e depois arruma um câncer na laringe ou no pulmão...

Em diversos países da Europa, as propagandas de bebidas alcoolicas são proibidas. Aqui a TV Globo, além das outras emissoras,  não deixa ( e isso é frase do ex-minitro da saúde do Brasil, José Gomes Temporão).

No Brasil, as cervejas pagam os tubos para as TVs, são patrocinadoras de eventos musicais e até da seleção brasileira de futebol! Enquanto isso, daqui a alguns anos, milhares de homens morrerão com câncer na garganta, no aparelho digestivo e com cirrose hepática.

Eu bebo sim, estou vivendo. Mas, não posso deixar de ficar preocupado com esta imensa massa de jovens que bebem e se drogam cada vez mais e muito! Isso é uma questão de saúde pública.

Mas, teve gente que disse que eu estou com o discurso politicamente muito correto...
Creio que o mundo precise então de discursos incorretos, não?
Estamos tão bem...

1.12.11

Teu Quase Soneto de Amor

Teu Quase Soneto de Amor

Quero te dizer do impossível.
Onde o meu sol não pode aquecer o teu frio.
E que a minha chuva não cisma em deitar em teu chão.

Quero te falar do impassível.
Que os meus pés não teimam em pisar em teu rio.
E o meu vento não pode soprar a paixão.  

Não quero dizer mais nada e falar quase tudo.
Quero gritar calado, calar berrando.
Essa minha agonia de ficar mudo.

Quero aparecer sumindo. Indo ficando.
Esse meu desamor te amando.
Esse meu chegar partindo...

30.11.11

SOBRE A CONTAMINAÇÃO DAS PRIMAS

Rechaço qualquer tipo de preconceito ou discriminação. De sexo, poder, etário, religioso, político, esportivo, entre outros. Mas, seria eu hipócrita se eu falasse que admiro as prostitutas. Não, eu não as admiro, muito pelo contrário, tenho compaixão. Longe de compará-las com outras atividades, todavia também não admiro um traficante de drogas, nem tampouco um gigolô, entre outros. Como tem gente que se incomoda com o meu incômodo perante as garotas de programa quero deixar bem claro a minha posição. E está muito distante do preconceito.

Acho que esta atividade de prostuição deveria ser regulamentada no Brasil para terminar com a hipocrisia e com os atravessadores. Também acho que deveríamos ter uma região que pudesse abranger a estas casas, mesmo porquê as garotas não passariam por constrangimentos, nem tampouco seus clientes. Isso existia antes. Meu pai disse que o Prefeito Faria Lima, me parece, é quem proibiu as zonas do meretrício. Eu sou a favor.

No entanto, apesar de defender a legalização do exercício desta atividade, mesmo que não seja profissão, e das zonas do meretrício, eu torço o nariz quando vejo uma "prima". Energeticamente há uma atmosfera um tanto asquerosa - a aura de uma mulher de programa é um pouco nauseabunda, com mistura de odores e cores com tons escuros. Quem não é sensitivo não enxerga nada disso. Mas, quem tem essa sensibilidade sabe do que estou falando.

Não acho que esta atividade é exercida por pessoas que se prezam. Tem que se amar bem pouco para ser uma prostituta. E se valorizar menos ainda. Elas não acreditam nelas, no potencial que elas têm para exercer outra função na sociedade. A maioria quer muito dinheiro e para isso usa da "beleza" emprestada pelo Karma. Mas, e as modelos, também não fazem isso? Sim. O problema é que a energia sexual é uma fonte de construção ou destruição. Se um indivíduo, homem ou mulher, troca incessantemente de par, é óbvio que se contamina energeticamente. Não é à toa que estas pessoas vivem rodeadas de um certa nuvenzinha cinza pairando por cima de suas cabeças.

No entanto, as garotas de programa também têm um papel social. Elas servem de "descarga" da maioria dos homens... Daí, quem se recarrega de energias nocivas são as próprias. Eu acho isso muito triste, sem valor, uma baixa autoestima avassaladora.

Entenderam? Essa é a minha opinião. Não as rechaço, não as recrimino, mas não as admiro ou aprecio suas atividades. Assim também é com os garotos de programa. E os traficantes? Sim, eles também vendem o prazer para as pessoas, no entanto um satisfação ilusória, mortal e viciante.

Sonho com um mundo sem nada disso. E você?

29.11.11

SINTOMAS DE UMA DOENÇA DO BAIXO-VENTRE

Eu não creio num Deus bonzinho. Eu acredito num mecanismo que move toda a vida do Universo. E essa Força muitas vezes nos proporciona provas de fogo.

Quem sabe ler os sinais que o Destino nos oferta é o que eu considero como sábio. Eu sou um aprendiz, ainda não sei decifrar muito bem, mas agora consigo pelo menos enxergar o que antes não via.

Acho que Deus nos manda ciladas de acordo com algumas tentações: sexo, poder, beleza, dinheiro, entre outros. Essas tentações são energias, não são boas, nem más. São energias. O dinheiro, por exemplo, é uma energia que pode edificar e construir, mas também, destruir, dizimar. É assim com a beleza também, Marilyn Monroe que o diga...

Acabo de passar por um teste de balística emocional. Este velho decrépito e inútil, caquético, patético e em estado terminal (ironias), resolveu cair nas garras perigosas de uma paixão descabida. Quem me conhece sabe que eu rechaço as paixões porque para mim são doenças bacterianas do baixo ventre. Eu, que me defendo e me precavenho sempre contra isso, deixei-me sucumbir pela beleza, pela juventude, por uma inocência inexistente.

Um sinal: cai de queixo, de boca no chão. Eu deveria ter percebido isso no primeiro dia. Armadilhas.

A pessoa em questão não tem absolutamente nenhuma culpa, é jovem, inexperiente, está no começo de um trajeto. Sim, é vaidosa, egocêntrica como qualquer mulher-menina. No entanto, não tem maturidade (e nem poderia ter...), está no caminho certo da sua idade cronológica. Eu é quem deveria me conduzir e proceder de maneira mais madura e consciente. Eu!!! Mea culpa.

Levantei-me. Tive que tomar algumas medidas drásticas. Estou triste. Mas, tenho que ter a hombridade de não usar nada de escuso ao meu benefício. Sofri com a decência de ser Homem. Ela é tão jovem, e tão sem dor, sem apego. Ela sorri e está certa.

Meu peito se fechou mais uma vez. Eu também tenho razão para isso.

25.11.11

Faça-me o favor de não ser

Por gentileza, faça-me o favor de ser um pouco menos encantadora?. Aproveite também para tirar este sorriso maravilhoso da tua cara. E não se esqueça de travar um pouco esta tua simpatia, feche um pouco o teu rosto. Lembre-se que ser assim tão inesquecível só é bom para você.

Acho que você é muito linda, favor enfeiar um pouco. Tua alma é transparente, dá pra esconder um tanto mais? Deixe de surgir tão frequentemente nas lembranças do meu coração. Eu, se fosse você, seria mais antipática comigo, mais fria, mais indelicada, menos charmosa e elegante. Não é possível que você queira habitar tanto o meu coração... Pare já! Isso mesmo. Assim fica mais fácil dormir e acordar sem pensar em você.

Por favor, atenda a esse meu pedido. Misericória para com este humilde servo da tua beleza! Faça o possível para que eu não goste tanto de você, pode ser?

Obrigado

Maurício Santini

23.11.11

Do pai para o filho



Este poema foi composto em 1998.
Dedicado ao meu filho Gabriel, que hoje faz 14 anos.

 

DO PAI PARA O FILHO

 

Outro dia te vi dormindo...


E pude ver nos teus sonhos um ninho de estrêlas,

crianças do infinito,

brincando de universo!


Filho, eu posso te dar as estrêlas!

Eu vou até o espaço e as colho para ti!

E assim, vão nos seus olhos seus brilhos.


Lembro-me de quando pudestes ver a luz do sol

E apontastes para o astro como se quisesse sua luz.

Filho, eu posso buscar o sol e fazê-lo brilhar em teu peito.

Assim, quando amanhecer o dia,

os seus raios dourados iluminarão nossos caminhos.

Filho, eu quisera te dar o mundo, mas o mundo tu tens num sorriso.

E o meu coração se enche de amor como se Deus despejasse sobre mim um balde de gotas de amor!

É como se eu tivesse o milagre de embalar o meu pai em meus braços!


21.11.11

SOMBRAS DE UMA ALMA BARROCA

Eu tenho uma personalidade barroca.
Combino muito mais com as montanhas férreas das Gerais, com os pórticos de pedra-sabão, com o vapor lúdico da Maria Fumaça.
Com o lirismo poético de um Dirceu em busca de um sonho de amor com Marília.
Com a vista da sacada para a Igreja de São Francisco.
Com o pão de queijo de fim de tarde. Com o queijo meia cura do começo do dia.

Não sou afeito à fumaça que sobe apagando as estrelas.
Não gosto do estilo yuppie elitista de São Paulo, da sua vida de shoppings, das suas tardes insossas, sem praias e sem montanhas.

Sou do Ipiranga, me escondo nos jardins do Museu.

Rechaço o madamismo, a peruagem pretensiosa das paulistanas.
O ogrismo dos seus machinhos com camiseta regata.
Torço o nariz para os seus automóveis de luxo.
Dou de ombros às suas baladas energéticas, às suas madrugadas vazias e cheias de gente.
À sua arrogante liderança.

A água não tem para onde escorrer e causa cheias.
Eu não consigo ver o horizonte.
O céu está sempre cinza, mesmo no tempo bom.
E as pessoas não se encontram.

Aqui, onde eu me encontro estou perdido.

A Volta do Meu Amor por Thereza Mattos

Há alguns anos atrás, minha mãe escreveu este poema.


 A volta do meu amor
 por Thereza Mattos
Meu grande amor voltou.
Veio na brisa suave desta manhã perfumando o ar da natureza.
A paz e a luz em meu coração onde havia o amargor da incerteza...

Vou recebê-lo toda vestida de rosas multicoloridas
e de lindas pedras preciosas.
Lapidar as lágrimas cristalizadas, agora em gemas tão formosas.
Que chorei enquanto estava só nos dias, noites e madrugadas...

Nos meus lábios, um sorriso feliz.
O coração cheio de saudade.
Nos olhos, a mais pura ternura de uma imensa felicidade...

Vou cobrir nossa cama de flores, onde ele possa repousar e dormir.
 Velarei seu sonho dourado, meu amado vai sorrir, por fim.
Vendo-me feliz a seu lado e vivendo apenas para mim!

20.11.11

Gripe emocional pode trazer um amor saudável

Trata-se de uma gripe emocional, mas passa. Ela fica por um tempo, mas com o passar dos dias, melhora. Um resfriado afetivo, um vírus passional. Paixão é como estas bactérias que a gente pega e que, depois de algumas febres e noites em claro, passa.

Mas, esta ¨doença¨ pode permanecer no corpo e se tornar crônica. Para isso basta que amadureça e verta em amor. Isso é possível, isso é passível de acontecer, mas trata-se de uma doença rara: o amor chegado de uma paixão amadurecida.

Só Deus sabe e eu não sou Deus.

18.11.11

Na próxima encarnação quero nascer enguia

Esta história de ter um corpo me incomoda um pouco. Eu preferia ser uma célula, um borrão de luz, uma enguia talvez ou sei lá o quê... Corpo é pra quem é belo, lindo, jovem. Depois, vira um aglomerado cheio de desníveis. Gosto não. E olha que luto arduamente para manter este físico apresentável. Mas, quando vejo as fotos minhas, quando me vejo do lado de fora, dá vontade de chorar. Mas, que merda!

E pensar que, daqui pra frente só piora. E posso fazer 5 vezes por semana de academia que não adianta muito, depois dos 40... Só se eu comer alface com grelhado de chuchú e tomar água. Esta forma de baiacú mexe na autoestima, faz a gente perder a confiança.

Fazer o quê? Quero ser um pouco mais feliz sorvendo um vinho, degustando um queijo e me deliciando com um cheesecake na solidão.

17.11.11

Controlo duramente a minha dor, para que não a controles tu...

E Deus criou o amor não para o sofrimento. Deus criou o amor para o regozijo dos homens. Para a edificação, para o crescimento. Quando o amor se transforma em dor, ele não cumpre o seu papel. Ele passa para um terreno movediço e perigoso.

Eu renuncio a este amor arenoso. Ele pode me edificar com lágrimas, mas eu não escolho ser construído pela dor. Eu prefiro alegria, liberdade, segurança, destemor. Não quero ficar pensando nas perdas com ganhos transitórios.

Meu amor, se você estranhar a razão pela qual eu vou sumir, pense que, para me encontrar, eu precisei fugir de você.

O jardineiro - 41
Eu gostaria de falar as palavras mais profundas que tenho para ti, mas não me atrevo, porque poderias rir de mim. Então eu me rio de mim mesmo e diluo o meu segredo em brincadeiras. Caçoo da minha dor, para que não caçoes tu...

Eu gostaria de te dizer as palavras mais verdadeiras que tenho para ti; mas não me atrevo, porque poderias não me acreditar. Então eu as disfarço em mentiras, dizendo o contrário do que eu gostaria. Torno absurda a minha dor, para que não o faças tu...

Eu gostaria de usar as palavras mais preciosas que eu tenho para ti, mas não me atrevo, porque poderias me pagar com palavras de igual valor. Então eu te falo com rudeza e caçoo de ti com a minha força endurecida. Eu te maltrato, para que jamais conheças minha dor...
 
Eu gostaria e sentar ao teu lado, em silêncio, mas não me atrevo, para que o meu coração não me saia pela boca. Então eu fico tagarelando e brincando, escondendo o meu coração por trás das palavras. Controlo duramente a minha dor, para que não a controles tu...

Eu gostaria de sair do teu lado; mas não me atrevo, pois temo que assim ficarias conhecendo minha covardia. Então eu levanto a cabeça e chego distraído à tua presença. E tu, com os insistentes golpes dos teus olhos, sempre renovas a minha dor...
 
Rabindranath Tagore

16.11.11

Tempo, Tempo, Tempo, Tempo és um dos demônios mais feios.

Caetano consagrou o Tempo como um dos deuses mais lindos. Todavia, assim como um ser iluminado tem sua própria sombra (e quanto maior a luz mais sombra ela produz..), eu digo (hoje) que o Tempo é um dos demônios mais sombrios da humanidade.

Contudo, esse caráter demoníaco do tempo somente se encontra aqui, nesta dimensão da carne, onde provoca estragos. É inconcebível pensar nos prejuízos do Tempo no plano astral, onde a alma e o espírito fazem a sua morada. Lá ele não tem vez. Lá ele é mera ilusão.

Eu me revolto com este demônio Tempo aqui na carne. Aos animais e plantas, ele não tem ancensão alguma, mas para esta sociedade estúpida e hipócrita, ele aniquila, massacra, amedronta. No entanto, a vida inútil deste demônio-deus tem prazo de validade num planeta em evolução. Antes, a distância era demoníaca, agora não. Daqui alguns anos, o Tempo deixará de ser.

Quando o Tempo não provocar tanto alarde na humanidade, quando este demônio não desgastar tanto as células, quando ele deixar de provocar danos na pele, nos cabelos, nos olhos dos outros, ele deixará de causar efeitos nocivos no corpo e na alma.

Pense numa sociedade em que as pessoas não envelhecem. O que este tempo ilusório pode causar nas pessoas? Nada, a não ser experiências, e isso é extremamente benéfico.

Veja, por exemplo, um caso lúdico e bem ilustrativo: o vampiro. Ora, este vampiro pode ter 2812 anos, mas tem cara de jovem. Então, podemos ver um romance de um homem de 2 mil anos com uma moça de 20, não? Sim, o vampiro não existe de fato, mas esta ideologia, sim.

Daí, podemos perceber que na verdade não é o Tempo que provoca a minha indignação, mas o que ele provoca nas pessoas e mais... como as pessoas reagem diante dele.

Eu sou livre para sentir o que quiser? Não. O demônio Tempo não deixa. Na verdade, ele deixa, quem não deixa são os olhos, a língua, a cabeça de um sociedade medíocre e doente.

Eu tenho que fazer contas para amar. Eu não tenho mais tempo para isso.

Tempo, Tempo, Tempo, Tempo és um dos demônios mais feios.

11.11.11

Por que as empregadas domésticas me irritam tanto?

Eu não entendo as diversas manias das empregadas domésticas... Eu, como dono de casa inveterado, fico inconformado com o que elas aprontam costumeiramente. Basta eu chegar em casa e é sempre a lerma lerda. Para não dizer que eu fui injusto com elas ou que estou inventando moda, abaixo eu vou listar várias atitudes irritantes que elas teimam em fazer sempre!!! Vamos lá:

1. O que as empregadas fazem com as meias? A minha deve comer um par por dia porque tem um monte com apenas um pé;

2. Será que elas bebem desinfetante escondido?;

3. Minha empregada forra a casa com jornais. Você já viu isso? Tem jornal na cozinha, no banheiro, no quintal, no quarto dos gatos... Será que ela quer que eu leia alguma notícia?;

4. Cada uma tem um jeito de arrumar a cama. Tinha uma que prendia tudo que parecia que ia pro presídio na hora de dormir. Outra, colocava o edredon embaixo e o lenço por cima, você já viu isso? A atual coloca o edredon no pé e estende o lençol. Ah, e coloca a camiseta que eu durmo dentro do travesseiro... Outro dia tinham duas...;

5. Uma vez eu cheguei em casa e a empregada estava usando a minha sandália hawaiana 42. Ora, a pata dela era 35 no máximo. E aquela sandália não era pra lavar o quintal. Conclusão, dei a sandália para ela e comprei outra. Passados alguns meses ela estava usando a minha sandália nova. Só matando à dentadas!;

6. E os produtos alimentícios? Já abriram pacotes fechados, tomaram cerveja, cachaça, vinho, desodorante, biscoitos, pães, produtos dietéticos, etc. Se eu tiver veneno certamente encontrarei uma empregada morta em casa;

7. A antiga empregada certa vez deixou o gás de cozinha aberto no fogão! E a mesma já deixou duas vezes a porta da minha casa aberta aos ladrões...;

8. Eu perdi as contas de quantas vezes elas mancharam roupas minhas. Tem uma que muquifou uma camisa social porque estava totalmente manchada... Descobri depois...;

9. Alguma empregada já pegou você transando? Comigo aconteceu duas vezes. Ela simplesmente entrou no quarto sem bater e com os barulhos tradicionais... Será que ela não escutou? Duvido;

10. O que mais acontece é a empregada decoradora. Acho que a pessoa deveria exigir uma pós-graduação em decoração de interiores para as empregadas. Um dia cheguei em casa e a sala estava totalmente modificada. Tive que mudar tudo de novo. Ela disse que achava que ficava mais bonitinho!;

Estes dez quesitos foram lembrados agora, mas tem muito mais...

Tá vendo? Não são só as donas de casa que falam mal das empregadas, os donos também.

10.11.11

PEBALIZAÇÃO ORKUTEIRA DO FACEBOOK

O Facebook, rede social de maior sucesso mundo, está passando por uma baiolagem ou pebalização que já foi conhecida no Orkut, no Sonico, no Beltrano, entre outras. Gente sem camiseta, "minas" de biquini, frases de impacto como: a vida é..., fotos posadas de casaizinhos felizes no perfil, álbuns medonhos, entre outras breguices.

Será que vai resistir?

REI NEYMAR JR. E A ARISTOCRACIA FRANCESA

Serão 3 milhões de reais por mês! Preciso dizer mais alguma coisa? Essa é a merreca que o jogador de futebol Neymar Jr. vai ganhar para ficar no Santos...

Gosto muito de futebol principalmente o bem jogado. Mas, pagar esta quantia para qualquer ser que chuta um bola e tem como objetivo colocá-la dentro de um retângulo, é uma afronta à sociedade.

Todavia, o que isso tem a ver com o título que coloquei? Tudo.

Enquanto o Neymar Júnior vai ganhar este montante jogando futebol, o País luta para aniquilar a fome em muitas regiões. Enquanto o Neymar Jr. ganhará 3 milhões de reais por mês, crianças, grávidas, velhos, animais e a raça dos homens morrem na mais completa miséria. Enquanto o Neymar Júnior estiver ganhando 3 milhões de reais por mês, médicos e professores se matam para ganhar uma ninharia, o que reflete na parca saúde e educação deste Brasil continente.

Enchentes e deslizamentos de terra continuam soterrando casas, florestas continuam devastadas, o desemprego continua crescente e as estradas são verdadeiras luas. Não há vias férreas decentes, o transporte é precário e as escolas estão caindo aos pedaços. O esgoto, a céu aberto e a saúde pública (e até particular) morre à mingua.

Ora, você pode me dizer: e o que o Neymar tem a ver com isso? Ele talvez nada... Mas, quem o paga, tudo! E qual a relação disso com a aristocracia francesa? Ainda mais.

Antes da Revolução na França, famílias aristocráticas deste país sugavam todas as energias do povo humilde para cometer diversas extravagâncias de poder e luxúria. Isto é, o povo bancava os banquetes e os bacanais.  Até chegar um dia que a turba ensandecida tomou o poder e degolou os nobres.

Mas, o que isso tem a ver com o Neymar Jr. e o Santos? Ora, se alguém paga 3 milhões de reais para um simples jogador de futebol, por mais genial que ele seja, de algum lugar deve sair este dinheiro. E se esta grana é desviada de algum lugar, vai faltar em outro. É a lei! Por que uns ganham muito e outros muito pouco? É porque os que ganham muito acabam que, consciente ou inconscientemte, tirando de muitos.

Até um dia em que o Brasil tenha vergonha de fazer alguma revolução.

Mas, por favor, não degolem o Neymar que o Brasil precisa ganhar a Copa!

9.11.11

Infelizes, mas com o nariz empinado!

Não tem jeito, passa o tempo e as pessoas repetem o mesmo filme milhares de vezes, não cansam... São infelizes, fazem os outros infelizes, mas enganam bem durante um tempo. No final das contas, todo mundo sai triste e machucado, porém estas pessoas continuam com o nariz empinado!

São as mesmas práticas, as mesmas manias, as mesmas atitudes infantis e tremendamente histérias e neuróticas que sempre as prejudicaram, mas elas teimam e fazem a mesma coisa de sempre. E o pior disso tudo é que elas não percebem (ou percebem e gostam...).

É sempre o mesmo ritual: fazem sujeira (com os outros e a si próprias), esperam a reação das bobagens, percebem (ou não) o mal feito e depois tomam um banho, trocam de roupa e após algum tempo, voltam a mergulhar no pântano, no lamaçal, na estrebaria. Querem o tempo todo, atenção e amor dos outros, mas não ofertam nada em troca, a não ser o o trivial que também dá prazer a elas: sexo.

Envolvem tanta gente no seus enredos...Nunca estão satisfeitas com nada porque se acham "especiais" (muitas vezes é ao contrário - de tanto que se acham menores acabam fazendo besteiras para chamarem a atenção). Na maioria das vezes são ciumentas (invejosas do brilhos dos outros), birrentas e egoístas.

Tenho certeza de uma coisa: o tempo vai passar e elas continuarão infelizes, envolvendo outras pessoas na sua eterna infelicidade, mas com o nariz em pé e olhando pra cima. Cuidado, vão tropeçar sempre nos mesmos buracos!

Enquanto isso, eu agradeço a Deus por ter tirado várias do meu caminho.

8.11.11

Eu não sei e não quero saber da USP

Sei que têm tanques de guerra, tropas de choque, soldados com escudos e capacetes, parece até filme de ditadura. Mas, acho que o mundo vem passando por coisas tão mais importantes do que ocupação de alunos (mimados ou não), do que os desmandos de um reitor, entre outros.

Eu paguei minhas faculdades com suor e trabalho. Tive dinheiro para isso. Não sou hipócrita para tirar vaga de alguém que precisa bem mais do que eu.. Nem na USP, nem no SUS, nem nas AMAs, nem em qualquer estabelecimento que um cidadão comum e que paga impostos como eu tem direito.

Então, a cidade universitária é que resolva seus próprios problemas sem fazer muito alarde. Tenho coisas mais importantes para opinar e resolver.

Só não aprecio ditaduras...

4.11.11

Cálculos para ter um relacionamento duradouro

Meu pai lamentou o fato de que eu, até agora, não tivesse casado ou mesmo juntado os trapos com nenhuma" mulher, eu disse "mulher"...

- Não é possível que não tenha nenhuma mulher...

Então, para ilustrar a situação fiz alguns cálculos e pedi que ele participasse.

- Eu também acho um absurdo não encontrar uma mulher na vastidão deste mundo. Mas, vamos por exclusões... Tire da lista as casadas (porque não gosto de encrencas), as que são noivas ou namoram... Depois, leve em conta o target ou o público alvo. Tenho mais de 40 anos, então não posso querer namorar uma moça de 18. Mas, como não sou preconceituoso deixei uma boa margem de 20 anos - dos 28 aos 48. Exclua, as toxicômanas e as viciadas. Exclua as moças que eu não tenho acesso por doença ou invalidez. Suprima as "pervas", as "periguetes" porque eu não gosto de amaciar a massa para que os outros comam... Diminua as que não querem mais relacionamentos. Ah, pode diminuir também as mulheres que não querem nada com nada ou que apenas "usam" os homens para elevarem suas auto-estimas. Tire as que têm mau caráter como bandidas, traficantes, ladras... Pode tirar também as garotas de programa. Sobram mulheres descompromissadas, honestas, probas, corretas e compatíveis... Eu não conheço. Pai, você  conhece alguma para indicar?

- É você tem razão. Está difícil mesmo....

3.11.11

SUS..pensos os comentários odiosos

Só pra constar e não perder meu tempo: tenho carteirinha do SUS, já usei o SUS, já usei o AMA e meu filho nasceu no SUS. Fui bem atendido no SUS e fui mal atendido no convênio particular.

Sem mais delongas que não quero mais perder meu tempo com nisso. Além do que, visita meu blog quem quer, não é obrigatório. Se não concorda, levanta da cadeira e tome um banho frio. Isso aqui não é uma rede social, blog é livre expressão.

Se os comentários forem adequados e pertinentes serão publicados. Se forem manifestações odiosas de mau caratismo, serão excluídos.

2.11.11

MALAS PRONTAS ÀS RAÍZES

A canção fala de abril em Portugal. Mas, neste caso, minha viagem à Península Ibérica, à terrinha, à Mãe Pátria Portugal, com pitadas de Espanha (sabendo que são do mesmo Reino de Castelo e Aragão) está marcada para fim de dezembro até meados de janeiro.

Na ansiedade, Vinho do Porto, Madredeus, o fado, os castelos, a noite de Lisboa e do Porto, o reconhecimento às origens de Viseu, a neve da Serra da Estrela, a romanidade de Évora, Óbidos, Algarve e Sevilha. Além dos pastéis de Belém, dos queijos da Serra, das castanhas vendidas nas ruas e do Esporão.

Ai pá! Já estou com saudades!

1.11.11

Este cara foi encontrado esperando a mulher da sua vida num bar

Pequeno manifesto contra o mau gosto

Infeliz é a raça de alguns homens que não respeita a dor das outras pessoas em detrimento de suas preferências políticas. Usar o câncer do Lula para alegar que ele deveria ter usado o SUS é uma afronta, uma ofensa à dignidade humana. Não posso permitir isso. E o pior, tem parente (carnal) e amigo (?) que defende esta excrecência. Mais pernicioso ainda é que a grande maioria que critica o ex-presidente é de pessoas que jamais usaram o SUS, nem por uma verruga. Eu não vou em alongar nisso. É melhor deixar com que as consciências (pequenas) gritem.

27.10.11

MAURÍCIO E OS SEUS DESENCONTROS

Em meados de 1985, minha namorada na época desmanchou o nosso namoro. Éramos muito jovens. Mas, lembro-me que foi a primeira hecatombe afetiva da minha vida. E fiquei muito tempo buscando um reencontro com a ex-namorada, porém de maneira natural, sem forçar nada. Por incrível que pareça, Deus nunca promoveu um encontro casual, a não ser depois, quando tudo tinha se acabado. 

Escrevi isso para exemplificar um fato curioso e um pouco triste da minha história e, talvez, da história da maioria das pessoas solteiras não tão jovens: os DESENCONTROS.

Muitas vezes encontrei mulheres bem interessantes, amáveis e "compromissíveis", no entanto, estavam comprometidas ou impossibilitadas. Outras vezes, estavam bem distantes de mim. Algumas vezes eram bem mais jovens. Desencontros. Casadas, namoradas, longínquas, novas demais...

Eu lamento tanto isso...Essa impossibildade.

Será que o Criador me ofertará um dia um possível Encontro?

24.10.11

GERUNDISMO É ARTIFICIALIDADE NAS RELAÇÕES

Fernando sonhando que estava relatando ao formando um memorando.
Seguiu dizendo: - ando caminhando e vivendo, sorrindo e revelando e aprendendo.
Sabendo que assim lembrando estava morrendo. E morrendo estava voltando. E sofrendo e retornando.

Armando vendo o que estava acontecendo, seguiu voltando e o acudindo.
Filho de um nobre normando, Armando o viu chorando.
E assim,  rindo e soluçando disse gaguejando:
-  que que gerúrúndio é esse, Fe,Fernando?

Vício de linguagem que simula a formalidade e evita compromisso com a palavra dada, o gerundismo joga luz sobre o artificialismo nas relações sociais no http://revistalingua.uol.com.br/textos.asp?codigo=10887
DÁ PRA PARAR COM TANTO GERUNDISMO!!!


A SAUDADE DAS MENTIRAS DE AMOR

O mote do hilário filme Cilada.com é a dificuldade do personagem do ator Bruno Mazzeo em dizer "Eu te amo" para a sua amada. Depois de tanta peleja e da iminência de perder o amor da sua namorada, o personagem finalmente diz a frase de um modo inusitado (que eu não vou contar para não estragar para quem vai assistir).

Eu nunca tive dificuldade alguma em dizer a frase e, talvez, esse tivesse sido o meu maior defeito, entre tantos. Falar "Eu te amo" para quem realmente eu amo sempre foi uma atitude simples para um leonino que está ligado ao coração. Essa minha vocação franca e aberta de mostrar e expressar o meu amor sempre foi um entrave aos outros porque ser amada incomoda mesmo pra muita gente.

As histéricas (e quem há de negar que muitas mulheres, se não a maioria, são...) buscam o tempo todo a conquista do amor do outro. Quando conseguem não serve mais, justamente porque eles foram derrotados pelos encantos delas. Na verdade, o que elas buscam não é o amor mesmo e sim, a conquista...Apenas a conquista porque assim elevam a sua estima que é tão baixa...

Histerias à parte, tenho uma saudade imensa de dizer o meu amor para alguém, mas talvez isso seja de fato algum problema psíquico meu... Porque não é uma saudade de expressar o amor pelo filho, pela mãe, pelo pai, pelos amigos, pelos irmãos, pelos bichos... É um saudade de mito romântico, entende? Deve ser algo de mentirinha mesmo... Uma espécie de novela, de filme de amor, de cinema. Coisa de poeta bobo. Inventar esse amor que só existe nas fábulas.

Não é falta de paixão, mesmo porque paixão é a sombra projetada no outro, é projeção. Paixão é um estado patológico, não quero isso. Mas, falta de viver uma história de amor, mas talvez eu não mereça mais, sei lá... Ou nem existe.

"Ah, Maurício, mas têm tantas mulheres que gostariam de estar com você", dizem as pessoas. Eu respondo simplesmente que numa festa você têm muitas opções de comidas e bebidas.
Você pega todos os salgadinhos? Bebe todos os líquidos? Se empanturra de todos os doces?

Sinto-me como se eu estivesse num churrasco sem opções de saladas e antepastos. Tem tanta coisa boa, nutritiva, apetitosa, mas eu sou vegetariano.

20.10.11

Paixões e Bichos-Papões

Robert Johnson, autor de Magia Interior e a triologia He, She e We, diz que a origem do termo "Bicho Papão" vem da Índia. Anualmente era escolhido um homem que agregava dentro de si toda a "sombra" de uma cidade, isto é, jogavam para cima do coitado todas as frustrações, medos, tédios, aspectos escuros da personalidade de cada habitante. O cara era muito temido, o povo tinha medo dele. No fim do ano, o sujeito era sacrificado em nome de toda a cidade. Na visão dos indianos, este sacrifício representava que todo mal seria carregado por ele.

Bem mais tarde, no ocidente, a expressão "bicho-papão" foi utilizada para amedrontar as crianças desobedientes. E assim, meninos e meninas foram tomando pavor pelas sombras acumuladas dos outros. Segundo Johnson, os pais jamais devem jogar suas sombras para cima dos filhos, muito menos amendrontá-los com as sombras dos outros.

Pensei, por que devo projetar minnas sombras ao meu filho se eu o amo?

No livro também temos a constatação de que a paixão que uma pessoa sente por outra nada mais é que a projeção da própria sombra no outro. Isto é, o objeto da sua paixão tem tudo ou pelo menos parte de tudo aquilo que você dispensa em você por temor, medo, preconceitos.

Conclusão: Paixão é sombra projetada, amor é irradiação de luz.

17.10.11

ENGANE SUA SOMBRA E BUSQUE O EQUILÍBRIO

Segundo o livro Magia Interior de Robert Jonhson, autor da trilogia He, She e We, temos que fazer algumas pequenas maldades para equilibrar a gangorra do nosso micro Universo.
Vou explicar melhor...

O Universo conta com infinitas partículas de luzes, entre sóis, estrelas e planetas, corpos celestes, meteoros e meteoritos, rabiscos do céu. São expressões de luz e vida. No entanto, há também o pano escuro do Universo, seus buracos negros, valas e manifestações da escuridão. Como nós somos a imagem e semelhança do Universo, temos que ter luz e sombras. E na verdade, temos sim. Todos nós temos o lado brilhante e o lado escuro da lua. Todos somos compostos de filigramas de iluminação e átomos de escuridão.

Para que esta parcela de sombras não se manifeste no nosso dia a dia, contra as pessoas que nos rodeiam e contra nós mesmos, temos que dar vazão às sombras de alguma maneira. Vale lembrar que, quanto maior a luz, maior a sombra.

O que ocorre segundo a visão do psicanalista e escritor Robert Jonhson, é que se você procurar apenas desenvolver o lado da bondade, isto é, fazer o bem em todas as direções, um lado sombrio se agiganta porque deseja se expressar de alguma forma para que possamos ter equilibrio. Isso não significa que não devemos mais fazer o bem, promover a caridade, sermos bons com o próximo. Sim, sempre, inclusive para a nossa evolução. Mas, se a gente não extravasar o lado sombrio de alguma forma, ele deverá se manifestar quando a gente menos espera, e o pior, com os outros e contra nós mesmos.

O autor então nos dá um dica especial para burlar as sombras: promover maldades de mentirinha! Isso mesmo, pequenos atos sombrios como se fossem simbólicos. Ele afirma que o nosso inconsciente não sabe discernir entre o que é real e o que é irreal. Então, temos que enganar as sombras com atos maldosos e escuros, mas apenas simbolicamente, de mentirinha.

Bom, aí fica com cada um... Teremos que ser criativos apenas. Quer dizer, isso para os bons... Para algumas pessoas estes atos sombrios virão com naturalidade... O grande problema para estas pessoas é que é necessário também promover atos de luz... E elas não têm a menor vocação para isso....

7.10.11

E DEUS CRIOU OS SEUS SIGNOS

Deus tava com um mau humor terrível, não sabia o que queria do Universo e num rompante visceral e histérico criou as Arianas.

Não ficou feliz, mesmo assim, cabeça dura que é, teimosamente prosseguiu na mesmice e criou as Taurinas.

Como a teimosia não levou Deus à nada, o Criador resolveu então procurar todos os Seus amigos do Universo (Seus filhos) e começou a fazer uma série de cursos de um monte de coisas, ao mesmo tempo, e assim criou as Geminianas.

Passado um tempo, quando viu que tinha muita gente no Paraíso e ele não queria ser mais tão incomodado, fechou-se em si mesmo, se aninhou para perto da Sua Família e teve uma crise de maternidade - Deus queria ser Mãe também e assim criou as Cancerianas.

Depois de ter criado um monte de gente e achado que sabia de tudo, Deus foi em busca do seu Graal, do seu grande amor, aqueles do tipo Casablanca, que só existem nos filmes. E melancolicamente criou as Leoninas.

Mas, que bagunça era aquela? Um monte de signos soltos e vagos? Deus então meteu o bedelho na vida de todo mundo e quis arrumar a casa. Deus se tornou um chato e criou as Virginianas.

Quando tudo estava arrumado, Deus resolveu dar um banho de beleza e estética no Universo. Mas, não sabia se queria branco ou preto, planetas coloridos ou cinzentos. Uma hora Ele achava tudo lindo, outra, nem tanto. Em um dado momento, Ele comia todos os manás, outro, ficava em jejum. Neste estado, Deus criou as Librianas.

No entanto, com aquele fogo eterno danado, Deus saiu pelo Universo à cata da Sua cara metade. Como não tinha ninguém igual a Ele, resolveu pensar que existia um complô. Estava revoltado e passou a descontar sua rebeldia com as outras deusas. Queria vingar-se e, deste jeito, criou as Escorpinianas.

Ah, como tudo tava muito chato e enfadonho, parado mesmo, Deus resolveu se aventurar, viajar pelas galáxias, comer do bom e do melhor. E não criar raízes... e assim criou as Sagitarianas.

Como só sair também enjoa, Deus então resolveu trabalhar, trabalhar, trabalhar e não fazer mais porra nenhuma, a não ser, trabalhar. E trabalhando fez as Capricornianas.

Como só trabalho não dá conta, Deus então resolveu sonhar, sonhar, sonhar e ideologizar um futuro. Criou histórias mirabolantes e viajou nelas. Ele cria em tudo que Ele criava... Deus estava na sua fase Zen, volitando como uma borboleta, distraído, quando criou as Aquarianas.

Mas, de tanto voar e ficar pelos ares, Deus começou a ficar triste, depressivo e começou a beber, beber, e não parar de beber. E assim, chorou, chorou, chorou, se martirizou, quis se matar, mas, como Deus nunca morre, resolveu se divertir nos braços de alguém. E assim, criou as Piscianas.

6.10.11

O HUMOR DO PAÍS COM TRASTES

É o país dos contrastes.. Ou será o país com trastes?

Enquanto se proíbe uma propaganda da modelo brasiliera Gisele Bündchem apenas por tentar seduzir seu parceiro com uma bela lingerie, o "comedor de criancinhas" e palhaço pedófilo possui uma série de gentes indignadas dizendo que este sujeito está sendo perseguido pelos jornalistas, pelo Governo, pelos artistas, entre outros. Até os próprios colegas de trabalho deste "inominável" pseudohumorista, rei da baixaria, rechaçaram a frase infeliz deste arremedo de artista.

Como eu disse: o cara vê fotos de crianças peladas fazendo sexo na internet e é preso. Agora, este infeliz fala que "comerá" a mãe e o nenê e é só afastado... E tem gente que acha engraçado e injusto?

Por acaso, isso não é pedofilia? O que é pedofilia? Não é assediar sexualmente menores de 18 anos?

E ainda vêm os baluartes de uma espúria liberdade de expressão defender este tarado... Eu sou jornalista, nasci num Estado ditatorial, anos 60.  Sou de centro esquerda, espiritualista e abomino a ditadura. No entanto tudo tem limite. Humor tem limite! Televisão tem limite! Se o humorista faz seu stand up num teatro e diz que é pornô, vai lá quem quer ver e escutar.. Mas, nas TVs, em horário nobre, o fulano tem que ter um crivo, tem que ter bom senso. Eu não defendo a censura em nenhuma hipótese, mas imagine só se eu for em um programa de TV e colocar meu membro para fora? Atentado ao pudor? E se eu falar abertamente palavras de baixo calão, atentado ao pudor?
Tudo deve ter ética, bom senso e respeito.

Se eu for convidado a entrar na sua casa, eu vou respeitá-la. Se eu tirar a minha roupa, gritar com a sua mãe, chutar o seu cão e comer todo o doce da geladeira, provavalmente você tem todo o direito de me expulsar.

Eu tenho um PROFUNDO RESPEITO PELA DIGNIDADE DAS MULHERES, MÃES, PAIS, CRIANÇAS, IDOSOS, ANIMAIS E PLANTAS. UM FULANO SE ACHA NO DIREITO DE PORTAR UM MICROFONE E ATENTAR CONTRA A DIGNIDADE DE UMA MULHER GRÁVIDA, COM BEBÊ NO ÚTERO, E DIZER ABERTAMENTE QUE "COMERIA" E MÃE E A CRIANÇA COM O INTUITO DE SER ENGRAÇADINHO? E NÃO É PORQUE A MÃE É  FAMOSA OU TEM PADRINHO OU MARIDO INFLUENTE, QUALQUER MÃE OU PAI FICARIA INDIGADO OU NÃO?

BEM, AÍ O CARA É AFASTADO DO PROGRAMA E TEM GENTE QUE DEFENDE ESTE INFELIZ DIZENDO QUE ELE ESTÁ SENDO PERSEGUIDO... ENQUANTO ISSO, ELE DEBOCHA DE TODOS COM AS SUAS PERIGUETES À TIRA COLO.

ESTE É O ARTISTA QUE VOCÊS QUEREM NO BRASIL?

O QUE SABEM VOCÊS DE PERSEGUIÇÃO POLÍTICA E IDEOLÓGICA? NADA!
ACHO QUE A PRESIDENTE DILMA SABE UM POUCO... ACHO QUE OS CADÁVERES POLÍTICOS ENTERRADOS COMO INDIGENTES EM PERUS SABEM? CREIO QUE OS ESCURRAÇADOS PELO PINOCHET SABEM... OS MONGES BUDISTAS TAMBÉM SABEM. ACHO QUE OS JUDEUS PERSEGUIDOS POR ROMA E PELA GERMÂNIA SABEM... ACHO QUE OS NEGROS AÇOITADOS , VINDOS DE CABINDA, ANGOLA, CONGO, ENTRE OUTROS, SABEM.

VOCÊS NÃO.

Não me falem então de falta de liberdade de expressão. Porque este país é livre, mas liberdade jamais pode ser confundida com LIBERTINAGEM.

Vocês são livres.

5.10.11

A ILHA E O PIRATA

Singrar o mar a todo vapor. Içar as velas, ajeitar a bússola e navegar oceano adentro.

Muitas vezes, o tempo está propício para se aventurar por terras ainda desconhecidas, principalmente em territórios que nós queremos conquistar. No entanto, o bom timoneiro tem que saber a condição dos ventos e das marés. E deve mudar o curso ou aportar sua nau num cais seguro.

Eu tentei conquistar uma terra, uma ilha paradisíaca com promessa de paraíso. Mas, as pedras, a ventania teimosa, os habitantes rebelados e ocultos daquela praia, não convidaram meu barco para ancorar. E eu fiquei lá tremulando as bandeiras, bebendo meu rum, esperando a hora certa de aterrar. O tempo foi passando e o velho pirata, com medo de motim, resolveu voltar seus olhos para outras ilhas. E assim, recuou mais uma vez...

Quem sabe na próxima viração... Quem sabe na próxima revolta dos índios na ilha... Quem sabe o governador incompetente daquela terra banhada por mar não seja deposto de uma vez... Quem sabe os índios tenham coragem de expulsá-lo...

Tenho que navegar. O oceano me convida para levantar as âncoras e partir de volta ao mar.
A ilha que mande seu sinal. Se eu estiver distante, adios.
Se eu estiver por perto, eu volto e finco meu mastro de uma vez.

4.10.11

AOS BICHOS, FRANCISCO DE ASSIS!!!

Não consigo escrever uma frase.
Mas, não poderia deixar passar em brando este dia.
Espero que gostem desta genialidade musical do meu amigo e irmão Marcus Viana.
É só clicar aqui: http://www.youtube.com/watch?v=O1nf1GTQ7nM

3.10.11

Os Olhos de Yogananda

Encontrei este singelo poema no meio dos meus perdidos.
Fiz no grupo de estudos do IPPB há uns 13 anos atrás.

Os Olhos de Yogananda

Que abra-se a luz, o portal de Brahman.
Nas viagens oniricas ao UM.
Ao som que ecoa a flauta de Pan.
O Devakan, Om Mani Padme Hum.

O céu, a Terra, minha alma desnuda.
Todo prakriti, o eterno maya.
O campo, o monte, a chuva na praia.
OM Namo Naraya Naya no coração de Buda.

Ó, Brahma, manifestado em mim.
Nadananda no peito, círculo de amor.
Na pele de Krishna, o azul da cor.
Lótus e olor nas pétalas do meu jardim.

Que toda a nobreza do Sat, Chit, Ananda.
Encerra a beleza de viver em harmonia.
No peito, o sol que Deus nos manda.
No sol, o fogo da luz do dia.
Não há candura, não há mais poesia
que os olhos de Yogananda.

29.9.11

AS PÉROLAS DOS NOSSOS PROBLEMAS (RECEBIDO ESPIRITUALMENTE)

O que as ostras chamam de doença nós chamamos de pérolas.
Os agentes intrusos ou qualquer areia que entra na concha, é encarada pela ostra como algum ruim.
Desta maneira, ela envolve o problema com invólucros, roupas, que aos olhos humanos enxergamos como riqueza.
É desta maneira que devemos encarar os nossos desafios.
E assim, nos defender deles com o melhor que podemos ofertar.
E transformá-los em riquezas inestimáveis, assim como são as pérolas.
Somente assim poderemos ter e dar valor à vida.

(Recebido espiritualmente neste momento, 14 h, dia 29/10/2011).

Vou chamá-lo de Irmão Y

28.9.11

O QUE OS ÁCIDOS, AS DROGAS, O ÁLCOOL E O TABACO FAZEM POR VOCÊ

Tire as suas conclusões. Eu fiquei abismado quando vi a diferença. É certo que o tempo faz estragos consideráveis com a maioria das pessoas, principalmente os que não se cuidam. Mas, a ingestão demasiada de drogas pesadas, álcool e fumo deteriora e nos torna uma espécie de máscara monstruosa.

A chamada Dama de Branco de Ipanema, e que foi mulher do compositor Marcos Vale e cantora da banda do "estadunidense" Sérgio Mendes, além de filha de radialista, Ana Maria de Carvalho, é tema de filme do cineasta Chico Canindé, Anamaria - A Mulher de Branco de Ipanema.

http://ultimosegundo.ig.com.br/cultura/cinema/veja-trecho-exclusivo-de-anamaria-a-mulher-de-branco-de-ipanema/n1597246274117.html

Quando fui pesquisar o que era a musa de branco antes e o que é agora fiquei em estado de choque. Não que dê muita vazão ao físico, mas neste caso, a deterioração é impressionante. Fica assim a lição.

GRANDE PARTE DO QUE VOCÊ LÊ NÃO PRESTA...

Se houvesse um imposto para cada bobagem publicada na internet, o planeta estava devendo as cuecas pro Universo. Nunca vi tanta besteira e tanta falta de maioridade como nestes tempos atuais. O coeficiente das porcarias têm aumentado gradativamente nas revistas, nos sites, nos portais, nas redes sociais. E não são apenas piadas, são brincadeiras de gosto duvidoso, enquetes babacas, matérias sem conteúdo algum, curiosidades infâmes, fotos infelizes, gráficos pesarosos, ilustrações idiotas, e uma série de titicas virtuais que nos invadem diariamente.

A comunicação massificante e maçante, facilitada pela conexão rápida em banda larga, mostra, cada vez mais, a nossa infantilidade espúria, a nossa imaturidade anímica, o nosso coração poluido e poluente. Se os meus olhos fossem gravar tudo que enxergo de cretinices, eu prefiriria colocar os óculos escuros da omissão e deixar com que o mundo se exploda na própria ignorância. Mas, como creio que cheguei aqui também para tentar modificar a mediocridade, não custa criticar as imbecilidades publicadas da raça humana.

27.9.11

Filho de Todos os Santos

Sou simpatizante das religiões africanas que foram trazidas ao Brasil pelos escravos. Gosto da Umbanda, que muitos defendem que é oriunda daqui mesmo e do Candomblé e suas nações. Admiro as tradições, as vestes, as características de cada orixá. No entanto, vejo muitos sacerdotes de ambas religiões desconhecendo o que cada uma delas professa. Falta estudo, conhecimento. E também percebo que muitas fontes divergem em relação às informações.

Ontem, ao pesquisar o site da casa de candomblé Axé Ilê Obá, situada em São Paulo, pude notar um panteão de deuses bem maior que a maioria. Fiquei sabendo, por exemplo, que Ossaim é orixá das plantas, das ervas. É curioso como a esmagadora maioria dos praticantes de religiões africanas nem citam Ossaim.

Outro exemplo é Exú, que no candomblé é orixá guardião e intermediário entre os homens e os deuses. Na Umbanda, os exús não são tratados desta maneira e são espíritos que buscam barganhar para ganhar "luz".

As nomenclaturas são divergentes, as cores, as roupas e até os atributos. Até agora eu não sei se eu sou filho de Oxalá velho (Oxalufan) ou do novo (Oxaguian), ou se sou filho de Obaluaê (que para alguns é diferente de Omulu), se sou de Xangô ou Ogun. Na verdade, eu sou filho de todos porque todos são emanações da natureza. Mas, também há quem defenda que eles realmente nasceram e viveram por aqui, entre os homens, como foi no Egito com Ísis, Osíris e Hórus.

Confusões à parte, bom mesmo é ouvir os cânticos mantrânicos, os batuques, aos afoxés, os pontos. Apreciar a beleza das danças. Atentar para as diversas linguagens e maneiras de expressão de cada santo. Só não admito a prática da matança de animais. Não creio que as divindades e os orixás precisam deste plasma sanguíneo para nada. Portanto, onde tiver esta prática, eu rechaço e julgo como nefasta e improcedente.

Saravá!


23.9.11

COM AÇÚCAR, COM AFETO E CALORIAS. ADOÇANTE NÃO ENGORDA, CARÊNCIA SIM.

Eu não costumo escrever artigos, poemas, textos sobre estudos científicos, no entanto esse tema é muito interessante: o uso dos adoçantes em substituição ao poder dulçor do açúcar.

Para quem deseja adoçar e tornar mais palatável uma bebida ou mesmo algo sólido e não quer ganhar as calorias da sacarose (açúcar branco refinado) deve adoçar com edulcorantes, isto é, adoçantes como sacarina, aspartame, sucralose, estévia, entre outros. Eu particularmente gosto mais do aspartame ou sucralose por terem menos sabor residual, mas são mais caros. 

Mas, gostos à parte, uma das informações mais interessantes que coletei durante um congresso de nutrologia em São Paulo, é que o adoçante não produz "serotonina", isto é, o hormônio que o cérebro fabrica para conferir uma sensação de conforto e prazer. Na visão do médico, basta 1 grama de açúcar e a serotonina é fabricada. Com os adoçantes isso não ocorre. Ora, se então acontece isso, o que engorda mesmo é a carência afetiva.

Lembro-me da canção do Chico Buarque, "Com Açúcar, com afeto", que relata que a mulher fez o doce predileto de marido para ele parar em casa.

O que buscamos é o prazer! E o afeto é um dos maiores prazeres da vida, senão o maior. Você pode transar tresloucadamente com uma garota, mas não garimpar nenhuma gota de carinho. Trocou o óleo, mas não trocou afeição. O prazer é instântâneo, mas não fica. Afeto permanece no corpo e na alma.

O que eu quero dizer é que as pessoas estão engordando porque estão magras de amor e afeição.

Lá vamos nós os solitários (e eu incluo aqui até os que têm parceiros..) buscar o afeto. Como não temos este afeto que nos nutre, projetamos isso na comida, no açúcar, nas calorias que nos conferem o hormônio do prazer, a serotonina. Os que não querem engordar, preferem os adoçantes. Mas, como os adoçantes não saciam os desejos de carinho, prazer e afeição, as pessoas desistem e sorvem aquele naco enorme de pudim, de bolo com bastante creme, de sorvetes com coberturas... E depois culpam os adoçantes que não resolvem...

O problema então está na carência afetiva que é substituída pelos alimentos. É como aquela piada. O magro chega na geladeira, como não tem nada, vai pra cama. O gordo vai pra cama, como não tem nada, vai pra geladeira.

Brincadeiras à parte, acho que o que mais falta no mundo mesmo é o amor e o afeto. Isso sim nos alimenta.

Quando as pessoas romperem suas infinitas defesas e medos das relações e se amarem pra valer, não precisarão de tanto açúcar, de tantos doces, de tantas bebidas e comidas prazeirosas.

O amor, o afeto, a ternura são os melhores nutrientes. Além de tudo, emagrecem.

DITADURA - QUE HISTÓRIA É ESSA?