29.7.11

Comportamentos histéricos e cíclicos não buscam amor e sim, conquistas

Eu demorei a entender, mas agora, com o auxílio do meu amigo e irmão Marcelo Figueiredo, compreendi. Uma relação histérica é aquela que se estende por algum ou muito tempo e não está calcada no amor. A histeria acomete muito mais as mulheres que os homens, mas há homens histéricos. Não é o meu caso, estou mais para outro comportamento a ser revisto.

O caso é que se relacionar com uma mulher histérica - e aqui histeria nada tem a ver com barraco, baixaria, quebra gereba, e sim, com comportamento manipulador -, é muito desgastante e sofrível. Pode levar anos, dezenas de anos, centenas de anos e até encarnações!

A garota com comportamento histérico busca a conquista, e não o amor. No íntimo ela se acha inferior, pequena, feia, sem atrativos, sua autoestima é lastimável. Ela se acha um lixo. E, para compensar, ela busca nos parceiros e nos supostos afetos, que eles caiam de queixo e morram de amor e desejo por ela. Ela pensa no seu interior, talvez até no seu inconsciente: - tá vendo? este cara bacana morre de amor por mim! vejam como eu sou apaixonante, como eu posso ter o que quiser! Eu posso!

Não importa o sentimento do outro, o amor não é importante nesse caso. O que é relevante é que ela consegue seduzir.

Mas, há uma curiosidade nisso. Se ela se acha o "pó", se ela se vê como um ser ridículo e o cara mesmo assim gosta dela, ela pensa: - Como este cara gosta de mim? Eu sou um lixo! Então, este homem deve ser muito pior do que eu! Não serve para mim.

Este é o mecanismo. Ela atrai, seduz (e usa técnicas de sedução como o vitimismo, inclusive...), consegue seu feito, alcança seu objetivo, aumenta sua estima e joga fora o objeto da conquista. Faz isso com quase todos... Só não faz isso para quem não dá a mínima para ela ou apenas a usa. Porque ela reflete: - não é possível! Este cara não olha para mim. Ele só quer sexo! Eu não consigo conquistá-lo! Ele deve ser especial.

E na esmagadora maioria das vezes, o sujeito que ela acha que deve ser especial trata-se de uma canalha, mau caráter, um pulha. Mas, como ele a desprezou, então deve ser o máximo...

Passa o tempo, ela namora, desmancha porque o namorado já está conquistado e morre de amor por ela, busca outros parceiros e quando não encontra quem morra mais de amor ou acha um daqueles cafajestes pelo caminho, daí fica mal, volta a se incomodar, a perder a estima e vai buscar os velhos namorados que costumam cair de amor por ela. Volta ao porto seguro, ao homem que supostamente a ama e que aumenta a sua estima. E repete exatamente o mesmo padrão sempre: procura, busca, atrai, seduz e joga fora...

É um círculo infernal!

Se você se identificou com isso, de um lado ou do outro, melhor rever todo o caminho. Porque tudo isso gera sofrimento, dor, perda de tempo, de sáude, de amor próprio. Você será infeliz.

Se você tem este comportamento histérico sugiro que procure auxílio em terapias, em psicanálise, em yoga, vá se cuidar. Se promove isso para você e para os outros, a infelicidade é o mote da sua vida. Busque ajuda terapêutica, se possível até com medicamentos, busque mecanismos que possam atenuar isso, espiritualidade, oração, vigilância com relação a estas práticas. Você pode melhorar muito!

E se você sofre com isso, também está na hora de você procurar ajuda porque você também ajuda a repetir este padrão. Você o alimenta por baixa autoestima. Você também deve procurar amparo terapêutico e espiritual.

Afinal, este círculo infindável somente existe porque os dois nutriram. E deve ser quebrado.

28.7.11

De mudança, sempre.

Eu fico querendo entender os outros, mas não é este o procedimento correto para a minha vida. Não dá pra compreender atitutes e comportamentos externos porque cada ser é um universo à parte. Vejo universos extremamente turbulentos, em descontrução, em desencanto. Outros, num momento mais sereno, com estrelas e mansidões, mas com nebulosas. Alguns, com meteoritos furiosos e planetas chupões. O universo de cada um é um verso único.

Eu busco me entender, qual o por quê de algumas atrações turbulentas? Por que almejo a pedra que será atirada em minha vidraça? Quando eu era adolescente eu dirigia e caia frequentemente nos buracos da rua porque não tinha os cuidados necessários para contornar. Atração. O carro vivia furando os pneus, quebrando as molas. Mas, agora o meu veículo está rodado e cansado de furar o escapamento. Ele não quer ser mais amortecedor.

Se o teu universo te perturba, se você constantemente sofre, se deprime, volta a repetir padrões que te levaram às dores e ao sofrimento, se gosta de ferir os outros como forma de se ferir, então está na hora de olhar para dentro de si, quantas vezes for necessário e buscar entender o que se passa.

Converse com pessoas maduras e de bom senso e coração, faça terapia para se entender um pouco mais, busque auxílio médico, faça exercícios físicos se puder, aprenda a meditar, ore muito mais, converse com Deus. Reaja! Mude! Faça como eu, se incomode com seus incômodos e vá atrás de resolver suas pendências, aquilo que te entrava, o que te faz provocar mal estares.

Shiva é o eterno deus Mu Dança!
Ele é o aspeto divino da transformação. Busque a Shiva e altere a sua vida para melhor.

Eu já faço isso, desde sempre!

27.7.11

ARIEL, ARCANJO LEÃO ENSINA SOBRE O AMOR

Ariel é nome de um dos quatro arcanjos maiores. Gabriel (nome do meu filho), Miguel, Rafael e Ariel ou Uriel.
Mas, Ariel também é o nome do leão que acaba de desencarnar em São Paulo, depois de algum tempo de luta. Mais do que anjo, Ariel foi um leão abençoado.
Para aqueles que não sabem enxergar além das aparências, Ariel era apenas um leão.
Todavia, para os mais sensíveis e os que têm olhos espirituais mais apurados, Ariel nos ensinou lições importantes.
Ariel nos trouxe uma pérola de como devemos domar nossos instintos mais ferozes para crescermos na escala da evolução universal. Como temos que engolir nossas feras que arranham o nosso próprio destino e que nos causa mal estar, violência interior, desamor.

Ariel era um arcanjo leão. E é melhor do que eu, que sou apenas um homem leão.
Ariel era manso de coração. E lutou até o fim (e não é o fim) com carinho, devoção e amor aos seus companheiros humanos.
Eu confesso, confesso baixinho que, enquanto eu trabalhava nas pautas e nas matérias, uma lágrima escapou dos meus olhos quando li sobre a morte de Ariel.

Mas, agora eu estou bem mais feliz porque tenho certeza que Ariel ascendeu a sua alma e cresceu.
Deve voltar brevemente.
Cresceu por amor, como assim deve ser com a gente.


CRÉDITO OU DÉBITO?

Essa é uma pergunta que a gente deve fazer sempre aos nossos relacionamentos: Crédito ou Débito?
Se a conta bancária daquela relação mantiver um saldo positivo, azul, que te promova benefícios, mantenha.
Se a conta só te dá prejuízo, vive no vermelho e debita sua paciência, bem estar, paz e amor próprio, cancele a conta e o cartão. 

Dormindo com o Inimigo

Muita gente vai ao centro espírita ou à umbanda para afastar os maus espíritos, as más influências energéticas. Mas, posso afimar de pé junto que os encarnados, as obsessões daqui, que moram, convivem, frequentam o nosso círculo, são os mais nefastos assédios. Além disso, a pior obsessão é a que a gente faz com a gente mesmo. E olha que estou acostumado com isso. Mas, os meus próprios monstros interiores são os piores. E os que frequentam a minha casa como "amigos"...

No entanto, desta vez eu vou falar da real e mais frequente mania de dormirmos com o inimigo. 

E eu coloco, neste mesmo quarto, não só os amantes e sim, amigos, parentes e relações do passado que atormentam o presente.

Quantas vezes lançamos mão deste projeto de dormir com os nossos assediadores? Tenho certeza que você passou ou passa por isso. E que também já foi o próprio obsessor.

Quando o assédio vem de fora, do mundo espiritual, o que temos que fazer? Orar, vigiar, meditar, tomar banhos, etc. Mas, o principal é "sair da sintonia" deste objeto. Não dar campo. Porque se você der, você será um verdadeiro poço de assédio. Você está deixando que isso aconteça!

Mas, e com os vivos desta dimensão? Namoradas (os), amigos, parentes, ex-relacionamentos? É bem mais difícil, não? Como sair dessa sintonias? Sim, devemos orar e vigiar, mas praticar diarimente o exercicio do Desligamento. Se for parente próximo e morar com você, deve criar estratégias para conviver melhor e sair da sintonia que te perturba. Se for amigo, melhor se afastar durante um tempo ou mesmo definitivamente. Se for namorado, reveja o relacionamento, será que vale a pena sofrer tanto? Porque depois pode ser mais difícil cortar a relação e o apego... A gente sempre acha que a pessoa vai mudar, e nada muda, ninguém muda... O que ocorre é que algumas pessoas atenuam seus defeitos com as pancadas do tempo e dos temporais. Pensa: se uma pessoa demora dezenas, centenas de vidas para mudar 1 cm, imagina mudar 50 cm na mesma vida?

Se for ex-relacionamento, é bem mais fácil, por mais difícil que possa parecer. Resolva o sim ou o não. Saiba o que te liga a esta pessoa. Se for amor, recue já e vá resolver este amor com esta pessoa senão você sofrerá por muito tempo... Se for egoísmo, vaidade, orgulho, ego ferido, ciúmes, insegurança, saia já dessa sintonia. Desliga! Solta! Liberta! E o assédio vai embora. Pode demorar um pouco para se desligar, mas desligue-se diariamente desta pessoa. Você não precisa de um porto seguro. Você é um porto seguro.

Ore mais e converse com Deus.

26.7.11

O CORTE FINAL

A escravidão sempre deixa marcas mesmo depois de estarmos livres das correntes. Fica a marca no pulso que nos faz lembrar...

Existem amores escravos que mesmo depois dos temporais continuam a doer. Mas, qual será a razão? São amores obsediados, que se retroalimentam um do outro. Não conseguem desfazer seus nós. Quando o fio começa a ficar mais tênue, quase apagado, lá vem um dos elementos desta relação a tocar fogo, surgir do nada, jogar a isca. E a corrente que prende um ser ao outro volta a se fortalecer. É um círculo vicioso e sofrível que nunca é quebrado porque os dois se alimentam e permanecem nesta obsessão. Ou por amor, ou por vaidade, ou por vingança, ou por medo, ou por ego ou ou ou...

Todavia, só há uma maneira de se libertar disso: os as duas partes assumem definitivamente o amor e partem para edificá-lo ou uma ou as duas partes assumem o desamor, o desalento, e tomam uma postura final: o de não suportar mais a dor e quebrar de vez o elo que os prende.

Acabo de quebrar esta corrente. Estou assumidamente triste, mas liberto! Eu consigo sentir amor, lutar bravamente por quem amo, relevar, perdoar, até esperar o momento das pessoas, mas quando não há mais tempo, saúde e dignidade, eu prefiro pulverizar de uma vez o que me prende para nunca mais. Eu me escolho. Sempre foi assim e sempre será. O pior de tudo é que na grande maioria das vezes, o outro lado que não ama de fato, acaba de arrependendo tarde demais e quando quer recuar já não há mais como fazê-lo. Eu já ouvi declarações de amor 20 anos depois da ruptura...

O que eu quero dizer é que chega uma hora que esta dor e este sofrimento não tem mais cabimento dentro do nosso coração. E que o alimento de quem nos escraviza por vaidade, medo ou egoísmo, deve ser direcionado a outra pessoa que vibra com a mesma intensidade.

Temos um vazio. Este vazio pode ser simbolizado por um círculo. As vezes, queremos preenher este vazio com um triângulo ou um quadrado. O que acontece? A gente se fere com as pontas porque o triangulo não vai encaixar, o quadrado também não. Temos que buscar compatibilidades.

Agora eu enxerguei isso. E eu tinha esperanças que aquele quadrado que me feria com as pontas se transformasse em um círculo com o tempo. Mas, não. Ela tem os olhos frígidos e as atitudes frias. Não tem a sensibilidade que uma verdadeira dama deve ter. Mulher mesmo, não garotinha, sabe? Pula de relação em relação em busca do nada afetivo. Não sabe ler o poema da vida, não brilha sua espiritualidade, apenas sobrevive. Certamente, por medo, por vaidade, por ego, me escravizou com a minha permissão. Agora estamos livres, assinei essa carta de alforria e joguei-a no seu quintal. Ela não precisa do meu amor, ela precisa aprender a amar. E a respeitar o outro.

Mas, agora o poço está vazio e só há folhas secas.
Tudo bem, ela vai mudar de foco, de poço, de corpo, de obsessão. E sofrer, e fingir que está bem. Endurecer e encontrar outra vítima, sendo que a principal vítima é ela mesmo. Sem amor, ela perecerá.

E eu vou ficar em paz, com meu amor, e ser feliz porque estou livre.

25.7.11

A FALTA DE AMOR É UMA DROGA

A cada dia morremos um pouco mais por falta de amor.
Não é só a droga, a bebida, o cigarro que matam.
A principal causa da morte da humanidade é a falta de amor.
Você pode cantar canções para centenas de milhares de ouvidos.
Pode escrever poemas, encenar vidas.
Pode ser astro ou estrela de uma porção de Universos, mas o Amor não é algo que se alcança com o sucesso. Amor é algo que a gente sente no nosso dia a dia, com as pessoas que estão próximas e distantes.
A pior droga que existe é a falta de amor.
O combustível do coração mata milhares de pessoas por dia.
E é uma morte lenta, gradual.
Antes do desencarne final, a falta de amor nos leva à solidão, aos remédios de estômago, aos anti-depressivos, aos narcóticos, ao álcool.
E mesmo que uma multidão aposte em nossa morte, ninguém ao nosso lado se incomoda de fato.
Prefere apontar seus erros ao invés de acariciar suas mãos, a beijar seus pés, ao afagar seu peito.
Ninguém te diz que te ama, a não ser seu pai e sua mãe. Alguns.
E assim, a gente vai morrendo aos poucos por falta de vontade de viver.
Até um dia morremos definitivamente por falta de amor.

Oração aos Fantasmas Emocionais

Deus, Meu Deus.
Rogo-te um favor.
Afasta de mim as pessoas que se nutrem do meu amor para alimentar suas estimas.
Que estas pessoas possam reconhecer que precisam ser amadas primeiramente por elas próprias.
Hoje, tenho um gosto amargo de fel na minha boca.
Meu Pai, por que as pessoas que a gente mais ama desejam escavar feridas profundas?
Sei que não sou amado por elas, mas porque estas pessoas querem se nutrir daquilo que sentimos?
Deus, um círculo vazio deve ser preenchido por outro círculo.
Por que teimamos em preencher esferas com triângulos, quadrados, losangos?
Por que fazemos parcerias indevidas e teimamos que isso pode dar certo?
Por que teimamos?
E por que este sadomasoquismo que nos escraviza?
Meu Deus, me liberta dos elos errados, das correntes enferrujadas!
Que eu possa caminhar com dignidade e, se for do meu merecimento, que eu saiba reconhecer as pessoas que são mais propícias ao meu caminho. Não se trata de escolher o certo, o superior, mas o compatível.
E os que não forem compatíveis, os encaminhe à Luz do Discernimento.
Livra-me dos fantasmas!
Assim seja, e por Amor, Amém.

22.7.11

OS AMIGOS DO OBA OBA

Acabo de fazer a varredura na minha vida e arrancar de vez o que eu chamo de Amigos do Oba Oba. Gente que só lembra de você quando precisa ou quando quer apenas se divertir. Estou farto disso!
Esse tipo de amizade lê-se Oportunismo. Quando está triste, fudido e mal pago, arrebentado emocionalmente, corre atrás de você, principalmente se precisa de um terapeuta ou de uma diversão. Mas, quando a gente pesa os momentos que a pessoa não está quando você precisa dela, a gente percebe o quanto é oportunista. Essas pessoas são vãs, nunca serão profundas. Algumas ainda têm a pretensão de ser terapeutas e cuidar dos outros, mas somente visam Interesses. Não vão pra frente.

Minha ex amiga, eu não sou raso, sou profundo. Tenho personalidade e caráter. Não sou vago, nem vão. Da minha boca saem as piadas e o conteúdo. Não uso, não abuso, não te procuro quando preciso. Aliás, sempre ofereço. Não sou mesquinho como você. Não sou oportunista como você. Não sou imaturo como você. Cresça e desapareça! O que você precisa é de gente vaga e vã, amigos do Oba Oba assim como você é. Semelhante atrai semelhante. Junte-se aos teus iguais. Aqueles que não produzem nada e que vivem numa festa perene e eterna porque buscam lá fora o que não conseguem enxergar dentro.

O ESPANTO DOS HOMENS E O MEDO DAS MULHERES

Estou lendo um livro do amigo Roberto Bo Goldkorn, "Solidão Nunca Mais" e ele cita o MEDO como um dos principais entraves da entrega. No entanto, o autor vai ainda mais fundo quando defende a ideia de que muitos medos que nós temos de relacionamentos foram garimpados das vidas passadas. Sim, isso é lógico. Você sabia que a ansiedade vem do passado e não do futuro? Ansiedade vem do medo de passar novamente por momentos escabrosos, estressantes, tristes. Daí, você se pergunta: não, eu vou passar por isso de novo? Sim, é provável e assim, paralisa seus movimentos.

Visualize você como uma mulher de 1865. Uma esposa devotada, prendada e vivendo em função do seu esposo. Teve filhos, cuida da casa, dá ordens aos escravos. Seu casamento foi arrumado pelas famílias, mas você aprendeu a respeitar aquele homem. A ter carinho por ele, e até amá-lo. No entanto, ele te trata mal, ele trai você com as prostitutas e com as escravas. Ele diminui você na frente dos amigos. Você não é feliz. E o pior, você não pode fazer nada. Não há como se separar dele porque se fizesse isso seria mal falada, estaria falida. Já teve seis filhos, dois já morreram quando pequenos. E você vive em função de cuidar da casa, das crianças e do marido. Vai à igreja como devoção e lazer. Sua vida foi assim até a velhice, até a morte. Você acha que sua mente esquece disso? Qual o sentimento que você terá pelos homens?

Cada ser reage de modo diferente. Algumas, de tão condicionadas, ainda se comportarão como escravas do sexo masculino. Farão tudo por eles, assim como eram antes. Outras, terão medo, preferem as relações fugidias, breves, para não terem compromissos porque temem, em seus subconscientes,que aquilo se repita. E assim, fogem dos compromissos. Um terceiro grupo irá se vingar dos homens porque sofreram as agruras masculinas dos séculos passados. E assim, competem.

Faz sentido? Na minha visão, totalmente. Os homens também têm suas reações impulsionadas pelo passado: o machismo herdado, a vida sexista e mundana, entre outros. Muitos estranham em demasia o que está acontecendo. Eu mesmo também estranho porque certamente estava condicionado àquelas relações. Mas, posso afirmar que estou a um passo a frente, assim como o Goldkorn e muitos outros também. Eu sei o que se passa e sei que eu também tenho e preciso que mudar.

Mas, não dá pra ficar neste jogo de paga daqui e de lá... Tanto as mulheres, quanto os homens devem se perdoar e refletir seus papéis novos. Efetivamente buscar parcerias respeitosas e igualitárias no presente. Esquecer o que se passou. Há como passar uma borracha no subconsciente? Há como apagar as memórias ancestrais? O primeiro passo é deixar de TEMER. É enfrentar as próprias sabotagens, seus medos e falar em alto e bom som: EU QUERO! QUEM MANDA AQUI SOU E EU VOU REALIZAR O QUE DESEJO DE CORAÇÃO!!!!

Por isso é que eu falo em CORAGEM o tempo todo: COR ( DE CORAÇÃO) + AGGIO (DE AGIR). CORAGEM é agir com o coração e ser bem mais feliz, sem medo. Arriscar, mas aprender e evoluir, sempre!

21.7.11

BELEZA, A TERCEIRA VIA DA DERROCADA

O maior exemplo de beleza bem otimizada é a da atriz Angelina Jolie.
Basta observar os trabalhos comunitários e ambientais que ela participa para o bem de uma humanidade.  Certamente ela utiliza seu padrão estético belo nos filmes, nas propagandas. No entanto, seu objetivo de vida, sua programação existencial vai muito além disso. Isso é ter uma beleza inteligente. Angelina, como o próprio nome indica, sabe ser angelical com a sua beleza. Provavalmente ela entende que a beleza, a casca, o físico, a armadura, se deteriora com o tempo. O que está dentro do corpo é o que vale. Fora dele, tudo é efêmero.

Sim, muitas mulheres e homens sabem disso e por isso apostam na suas belezas temporais. Provavelmente eles balbuciam: - vou aproveitar agora, enquanto é tempo! No entanto, este mau aproveitamento pode levar à derrocada do espírito, o estacionamento da alma no degrau da evolução.
O espelho é o mais ingrato dos amigos. Ele te abandona com o tempo, ele só é seu amigo por conta das aparências...

A beleza leva à prostituição da carne, do espírito, do destino. E por favor, não me citem Maria Madalena como exemplo mesmo porque, ao contrário do que se diz, ela não era prostituta. A prostituição não é apenas um pecado de carne, isto é, alugar um corpo que é emprestado para ganhar dinheiro, aliás, isso é sublocação. Prostituição é corrupção da alma. É vender sua luz, sua dignidade. É firmar sua incompetência e sua baixa-estima. 

Mas, porque eu coloco a beleza em relação à prostituição? Simples, porque a beleza leva à prostituição em todos os sentidos. Toda mulher e homem que usa a sua capa de uma maneira inapropriada para conseguir objetivos escusos comete a prostituição. Isso está muito além de ser garota de programa...

A beleza é uma prova e um grande dote que o Universo lhe conferiu para mostrar que o lado de fora é apenas um parco reflexo do que podemos ser dentro. Geralmente, as pessoas lindas são vazias porque centram seu foco no exterior e não no interior. A vaidade se vai com a idade. E quando acordam já está na hora de dormir e perderam a vida.

Assim, pode ser linda ou lindo, mas seja um reflexo do seu coração.




20.7.11

O Velho e o Sábio de Alan Parsons

Esta é para você mesma...
É um pouco do que eu tenho a te dizer se nada for feito...
Acesse, ouça e a veja a tradução abaixo:
http://www.youtube.com/watch?v=MvsP-qLLNBE

Old And Wise

As far as my eyes can see
There are Shadows approaching me
And to those I left behind
I wanted you to Know
You've always shared my deepest thoughts
You follow where I go

And oh when I'm old and wise
Bitter words mean little to me
Autumn Winds will blow right through me
And someday in the mist of time
When they asked me if I knew you
I'd smile and say you were a friend of mine
And the sadness would be Lifted from my eyes
Oh when I'm old and wise

As far as my Eyes can see
There are shadows surrounding me
And to those I leave behind
I want you all to know
You've always Shared my darkest hours
I'll miss you when I go

And oh, when I'm old and wise
Heavy words that tossed and blew me
Like Autumn winds that will blow right through me
And someday in the mist of time
When they ask you if you knew me
Remember that You were a frined of mine
As the final curtain falls before my eyes
Oh when I'm Old and wise

As far as my eyes can see

Old And Wise (Tradução)

Até onde meus olhos podem ver
Há sombras se aproximando de mim
E daqueles que eu deixei para trás
Eu queria que voce soubesse
Você sempre partilhou dos meus pensamentos mais profundos
Você me seguiu para onde eu fui

E quando eu for velho e sábio
Palavras pequenas significaram pouco para mim
Os ventos do outono irão soprar por mim
E algum dia, na neblina do tempo,
Quando perguntarem se eu conheci você
Vou sorrir e dizer que você foi uma amiga minha
E a tristeza irá ficar estampada em meus olhos
Oh, quando eu for velho e sábio

Até onde meus olhos podem ver
Há sombras se aproximando de mim
E daqueles que eu deixei para trás
Eu queria que você soubesse
Você sempre partilhou dos meus momentos mais sombrios
Vou sentir sua falta quando eu partir

E oh, quando eu for velho e sábio
Palavras pesadas que me ofendiam e me feriam
Como ventos de outono irão soprar por mim
E algum dia na neblina do tempo
Quando perguntarem para você se você me conhecia
Lembre-se que voce foi uma amiga minha
Enquanto a última cortina cairá sobre meus olhos
Oh quando eu for velho e sábio

Até onde meus olhos podem ver...
ALAN PARSONS

A INTELIGÊNCIA COMO CILADA

A segunda parte da série "Armadilhas" para prejudicar sua encarnação fala sobre o uso da inteligência para a edificação das Sombras. A utilização do raciocínio, aliado à mente intuitiva e ao conhecimento para a arquitetura do prejuízo de alguém ou de algo, é umas das ciladas mais graves que o Senhor do Destino nos coloca como prova.

É o estadista que usa a oratória para seduzir eleitores e tirar proveito próprio, é o político que usa estratagemas pra conseguir realizar suas más intenções, é o artista que manipula massas para vender mais e alimentar seu ego , são os comunicadores que lançam mão de mecanismos escusos pelo poder e pelo dinheiro, etc, etc, etc.

Há uma espécie de "batalha" entre a Luz e as Sombras, como no épico indiano Ramayana, como na saga dos livros e filmes do Harry Potter. Os dois lados usam a Inteligência. No entanto, a mente criadora pode ser devastadora e aniquilar projetos de paz e de amor. Aliás, o amor não é atributo apenas da Luz. Adolf Hiltler amava os bichos e as crianças (desde que não fossem judias, ciganas, negras...). O grande objetivo imperial das Sombras é o Poder. Para isso, as forças obscuras fazem qualquer trato.

Cansei de ver cientistas trabalhando dia e noite para a devastação.

Inteligência não é uma virtude. Ela é o montante de vidas e vidas acumulando conhecimentos e experiências. A Inteligência somente passa a ser virtude quando é canalizada para edificar, construir, solidificar a Consciência, a Lucidez, os atributos do Amor universal sem condições.

Pense nisso e seja inteligente com luz.

19.7.11

O PERFUME DO AMOR

O amor é o perfume que fica com os dias. 
As paixões são atrações passageiras que agem como uma colônia.
É forte no começo, mas depois se perde com o tempo. 
Amor mesmo fica na pele.
Passam as noites, passam as águas, roçam as roupas, o amor permanece inalterado.
Ele é suave e perene.
É assim o meu amor por você, como um perfume que jamais se apaga.
Vem, e traz essa brisa para mim.
Podemos exalar o que sentimos pelos vendavais.
E inspirar os amantes que nunca perderam suas esperanças.
Eu sou aquele vento que, de quando em vez, te sopra, em teus cabelos,
e que diz, te amo, te amo, te amo...

AS QUATRO ARMADILHAS DO DESTINO - PARTE 1 - A RIQUEZA

De acordo com o líder da LBV, Paiva Netto, nós temos quatro ciladas para derrocar ou elevar a nossa jornada na Terra. Elas são: Riqueza, Inteligência, Beleza e Poder. Certamente, todas estas tentações são ligadas ao Ego Inferior.

Hoje eu vu escrever sobre a riqueza material, que serve muito mais como prova de qualidade espiritual do que a pobreza.

Quando temos à nossa disposição todas as ferramentas necessárias para ter tudo que desejamos, mostramos, de fato, quem somos e para o quê viemos neste planeta. Tudo que combinamos e deixamos previamente acordado do outro lado, acaba perecendo pelo luzir do ouro, pelo brilho intenso das jóias.

Geralmente quem tem tudo não dá valor à vida além da matéria. Confere idolatria aos carros de luxo, aos cruzeiros e viagens internacionais, aos hotéis 5 estrelas, às roupas de grife, e uma leva de objetos e objetivos vulgares e efêmeros. Não enxerga a alma.

O espírito e o coração ficam atirados aos planos inferiores. A alma amesquinha-se. Em suma, quando estes seres descascam da luxúria deste mundo tão generoso materialmente, costumam a ficar apegados às marcas de consumo com suas ventosas e perambulam sós, em meio à escuridão, com colares de pérolas tristes e brilhantes opacos na neblina dos seus pensamentos. Ficam assim por muito tempo... Sofrem em dobro.

O dinheiro é uma energia como outra qualquer. Não se pode viver apenas em função dela. Não se pode ser refém. Temos que canalizar esta energia para o nosso bem e para o bem de muitos outros seres. Para o crescimento de um Todo. Sem mesquinharias, sem luxúrias, sem dependências, sem desperdícios. O dinheiro é uma oportunidade ímpar de Realizar os objetivos mais substanciais e saudáveis.

Infelizmente, o PENSENE (pensamento, sentimento e energia) do milionário, do rico, do bem situado finaceiramente é entupido pelo brilho ilusório e passageiro das aquisições. É uma prova difícil!

Seja próspero! Saiba fazer fluir o dinheiro com a energia da circulação inteligente! Ao contrário do que você pensa, o dinheiro pode ser bem mais pesaroso do que a falta dele...

18.7.11

A Felicidade é Simples

Há duas semanas atrás fui à uma festa junina de família. Dividi a mesa com amigos e um quarteto feliz de pessoas: o pai, a mãe, o filho e mais um na barriga da moça. Entre o estalar da fogueira, nacos de milho verde e doses de canjica e amendoim, pude presenciar algo muito maior que a quadrilha. A família.

A felicidade estava estampada. O pai, sentado, apreciava as peripécias juninas do seu filho. A mãe acariciava sua barriga e sorria, entre beijos do marido e da cria. A criança, dentro do útero, parecia exalar uma vontade de pular e viver nessa dimensão. Eles falavam em código, diziam coisas que somente eles achavam engraçado. E uma gota escondida de suor lacrimoso escorreu dos meus olhos... Fui dar uma volta. Não há momento mais feliz do que esse...

Você pode conhecer o mundo, frequentar festas e cruzeiros. Dançar, sorver uma taça de espumantes. Assistir ao jogo do seu time no estádio, andar de barco, transar com vontade, degustar vários brigadeiros. Não há hora mais feliz que realizar a sua família e vê-la feliz ao seu lado. Na verdade, acho que a felicidade é muito mais simples do que se imagina e as pessoas acabam complicando.

Por enquanto, e nem sei se "por em sempre", apenas "invejo" isso com os outros. Trata-de de uma inveja branca, um tanto triste. Mas, de repente, Deus pode olhar compassivamente para a minha vida e me ofertar um naco daquela felicidade. Está nas Mãos Dele já que as minhas caminham vazias atualmente. Quem sabe?

15.7.11

Meu querido parceiro Universo

Querido Universo

Estou a um passo de decidir a minha vida... Mas, eu sou apenas um autônomo na Soberania de Deus. Posso combinar comigo mesmo que tenho que mudar algumas coisas, transformar outras, manter as boas, mas não posso decidir sozinho sobre a minha vida. Você, Universo, é meu parceiro.

Se eu me convencer de que está na hora de constituir família (aliás, já passou da hora..), me casar, ter mais filhos, posso, no mínimo, expressar a minha vontade. No entanto, dependo de terceiros para isso, não? Ou me casarei com uma fantasma e terei filhos com uma boneca?

O que eu quero dizer que as minhas vontades nem sempre prevalecem, apesar de muitos afirmarem que querer é poder e que a mente pode tudo... Eu não tenho essa opinião. Se eu tivesse eu não acreditaria num poder maior que é Soberano, Senhor do Karma, Deus!

O que eu posso fazer é idealizar, planejar, agir, ir ao encontro dos meus anseios, fazer o possível, encontrar meios para realizar. Mas, o Meu Parceiro também tem que conspirar ao meu favor, não?

Meu Amigo e Parceiro Universo, e tenho alguns desejos e quero registrar. Anota aí:

- Quero continuar a trilhar o caminho da Luz e respeitar as Sombras;
- Quero escrever notas, matérias, livros, poemas, canções, textos que sirvam a um propósito maior;
- Quero continuar a ser Próspero e ter a energia monetária para realizar meus objetivos;
- Quero ter a presença constante dos que eu amo: família, pais, filhos, amigos e bichos;
- Quero constituir uma família, amar e ser amado e, porque não, ter mais filhos;
- Quero viajar e conhecer muitas culturas e filosofias;
E por fim, quero ter paz, saúde e felicidade na maior parte do meu tempo aqui e fora daqui.

Tá bom? Vamos Juntos?
Obrigado, Confio em TI!

14.7.11

Carta de Renúncia

Eu renuncio a quem eu não aprendi a amar.
Entenda, só posso te amar quando eu estiver livre.
Meu momento dói.
Minhas horas não passam.
Não desejo que o meu amor faça parte disso.
Quero o meu amor por ti liberto.
Por isso, eu te solto de mim.
Por isso, eu me solto de ti.
Estou acorrentado de mim mesmo.
E assim, não quero te prender em minhas teias.
Não quero que tu adornes teu pescoço com as minhas algemas.
Quero-te livre.
Quero-me livre.
Enquanto eu esperar por ti não me atrevo a te querer.
O meu amor em silêncio grita mais.
Não posso também me amalgamar a ti.
Assim como não desejo cativá-la em meu egoísmo.
Tu me amas?
Falta apenas aprender a te amar.  
Falta apenas aprender a me amar.
E no amor, seremos livres.
Enfim.

SEM EMBALAR POLÊMICAS NAS REDES

Eu não posso mais usar as redes sociais como tribunas de livre pensamento e que gerem discussões infrutiferas. É muio estressante, numa rotina já com desgaste, fomentar ainda mais problemas, mesmo que sejam virtuais. E ademais, qualquer tema pode ser mal compreendido e virar assunto de discussões acaloradas e sem sentido.

Aconteceu e sempre acontece isso. Um simples post constatação virou motivo de agressões e o pior, por falta de compreensão do verdadeiro sentido. Então, a mudança total do timão na minha postura de rede. Aqui, no meu blog, eu expresso minha opinião. Nas redes sociais eu me comunico e me informo, e só.

Não quero passar uma imagem de uma pessoa que não sou na realidade. Muita gente me acha pedante, arrogante, egóico, sequelado, recalcado, virtualmente e isso não condiz com o real. Olha aqui, eu sou bem e mal humorado (como todos), um pouco rabugento e chato, divertido, amoroso, carinhoso, amigo, honesto, leal, impulsivo e compulsivo. E mais, algumas coisas.. Mas, sou bonzinho tá?

13.7.11

CORNETEIRO E RECALCADO?

Recalque ou recalcamento significa Mecanismo psicológico de defesa pelo qual desejos, sentimentos, lembranças que repugnam à mentalidade ou à formação do indivíduo são excluídos do domínio da consciência e conservados no inconsciente, continuando, assim, a fazer parte da atividade psíquica do indivíduo e a produzir nela certos distúrbios de maior ou menor gravidade.

Acabei de ser chamado de Recalcado porque critiquei o comportamento de certa camada. Eu critiquei o modus vivendi feminino de hoje, com algumas exceções, onde busca relacionamentos mais fugidios, fugazes, sem compromissos. Para quem não sabe são os relacionamentos relâmpagos, que não se aprofundam tanto, breves.

Olha, se há algo que eu não sou é Recalcado porque eu não rejeito os meus desejos. Eu os assumo. Quem me conhece, sabe da minha crítica à sociedade em geral, incluindo homens e mulheres. Mas, não posso me furtar de criticar comportamentos vazios, sejam eles promovidos por qualquer sexo. Eu critico, por exemplo, a maioria dos gays, lésbicas e bissexuais que são extremamente vulgares e libertinos. Não critico opção, critico comportamento.

Mas, se não há crítica numa sociedade, como ela será transformada? Você está satisfeito? Uma sociedade nunca muda se estiver confortável e feliz. Como eu não estou feliz e assumo isso, quero mudanças e critico mesmo. Vale lembrar as tantas revoluções na história que foram baseadas no incômodo.

Se você está feliz e satisfeito com o modo de vida atual, que bom, então vire a página, não critique, não mude, estacione seu contentamento e assista o mundo se esborrachando lá fora...

Eu vou continuar a cornetar, sem recalques.  

TUDO NO UNIVERSO É PURO E MISTURADO

Segundo o governo islâmico do Irã, os cães são impuros.
O que dizer então dos muçulmanos terroristas?
Dos aiatolás sanguinários?
Dos fundamentalistas radicais assassinos?
Mais uma vez esta raça de homens chamam animais de impuros.
Os judeus se alimentam de comida kosher por conta dos animais impuros.
Enquanto isso, muçulmanos destroçam cristãos, que dizimam judeus, que massacram palestinos, que mutilam judeus... Quem é o impuro da história?
Puro signica Limpo, Imaculado, sem Mistura.
Alguém conhece algum ser humano que seja Limpo, Imaculado e sem Mistura?
As bactérias, as pragas, os vermes não são puros?
Em verdade, em verdade eu vos digo: não há nenhuma criação divina que não seja pura.
Tudo povem de Deus.
Assim tudo é puro e misturado.

12.7.11

O ASSÉDIO PRÓPRIO E DOS QUE TE AMAM (?)

As pessoas, principalmente os espiritualistas, ficam muito preocupados com o assédio e a obsessão que vem de fora, dos espíritos e das "almas penadas". No entanto, o percentual disso é bem reduzido se compararmos duas obsessões bem maiores: a auto-obsessão e o assédio dos encarnados que convivem com você. Creiam, são muito superiores!

Percebo isso comigo. A minha obsessão própria, a que faço comigo mesmo é muito mais funesta. E os assediadores que estão implantados no seu dia a dia são muito mais fortes: amigos (?), irmãos (?), colegas (?), pais (?), mães (?), etc. Não me digam que quem gosta ou te ama não te incomoda. Basta uma briga, uma discussão, um sucesso, um fracasso, a inveja, e lá vem os dedos energéticos e os pensamentos nocivos por cima de você. A solução para isso é a Dessintonia, isso mesmo, sair fora do Dial deles.

Perdoar 7 X 7. Sim. Isso devemos fazer com as pessoas próximas e distantes. Mas, como sair fora da própria sintonia? Auto-Perdão. Sim, por isso isso aqui é uam grande escola e somos TODOS aprendizes, num colégio de quase sem mestres...

11.7.11

VOLTAR A SER ALMA

Queria voltar a ser alma, sem corpo.
Sinto-me como exilado de mim mesmo.
Propenso a inimigos que eu não consigo enxergar.
Dentro e fora de mim moram os anjos e os demônios.
*"Meu grito lixa o céu seco".
É triste ser aparência no mundo das aparências.
Onde tudo é restrito.
O amor é restrito ao tempo e à distância.
O amor aqui é carne.
Meus olhos físicos não vão além das paredes.
Queria voltar a ser alma, sem corpo.
E quero atravessar meu quarto em 1 segundo.
Quero ir para onde meus sonhos me levarem.
E de tão leve, quero não ter mais peso.
Estou infeliz em ser carne.
Tenho que comprar passagens, pegar meu carro, andar de avião.
Tenho que tentar namorar o impossível.
Quando estou alma, minha alma ama.
Meu pensamento voa e pede e Plim, logo estou lá...
O combustível é o amor.
Aqui, no mundo das aparências, o que move as pessoas não é o coração, nem o pensamento.
São as conveniências.
Não quero mais viver assim, sem vida.
Quero voltar a ser alma, sem corpo.

* Da canção Egito de Caetano.

JEITO DE MATO NA VISÃO DOS ORIXÁS

Algum tempo atrás, um Pai de Santo, sacerdote de Umbanda, disse que a minha letra tinha todos os orixás representados. Como os orixás são emanações divinas da natureza, realmente ele tem toda razão. No entanto, eu não a compus para cumprir esta meta, ela foi assim, tão natural desde o começo. Serve apenas como curiosidade. Coloquei em Negrito o que o Pai de Santo quis dizer. Curioso.

Jeito de Mato
De onde é que vem esses olhos tão tristes?
Vem da campina onde o sol se deita.
Do regalo de terra que teu dorso ajeita.
E dorme serena, no sereno e sonha.
De onde é que salta essa voz tão risonha?
Da chuva que teima, mas o céu rejeita.
Do mato, do medo, da perda tristonha.
Mas, que o sol resgata, arde e deleita.
Há uma estrada de pedra que passa na fazenda.
É teu destino, é tua senda.
De onde nasce tuas canções.
As tempestades do tempo que marcam tua história
Fogo que queima na memória acende os corações.
Sim, dos teus pés na terra nascem flores.
A tua voz macia aplaca as dores
E espalha cores vivas pelo ar.
Sim, dos teus olhos saem cachoeiras.
Sete lagoas, mel e brincadeiras.
Espumas, ondas, águas do teu mar.

LUTO DE MIM

Não, não morreu ninguém. Mas, meu luto é de alma.
Estou com o espírito envergonhado.
Não vou dizer o que aconteceu, mas posso afirmar que me causou vexame de mim mesmo.
Não posso, por algum tempo, cumprir meu sacerdócio de escrever para a Luz. Aliás, acho que nem sou isso.
Ontem, eu fui Sombra, só escuridão. Minha máscara caiu.
Meu comportamento foi lamentável.
E a certeza inabalável que nada sou.
E não tenho moral alguma de acusar ou vociferar contra uma sociedade falida porque eu sou falido.
Triste e decepcionado.
Agredido por mim mesmo.
Perdoem-me! Eu não sei o que eu faço.

8.7.11

CHAMA A CHAMA

O amor é como uma pira eterna acesa com fogo brando.
Jamais se apaga com a ação dos tempos e dos temporais.
Pode passar a chuva, pode soprar os ventos, a chama é intocável.
Há um combustível que alimenta esse amor para que ele fique aceso.
É o próprio amor que se alimenta de si mesmo.
Jogam areia, vertem água sobre ele, arremessam-lhe pedras. Ele não se move.
No entanto, o amor pode ficar doente com os vírus do orgulho, do medo, da vaidade.
Mas, basta soprar mais forte, basta um olhar com brilho, basta a voz do amor sussurrar, que a velha chama volta a queimar no peito.
Mas, é preciso ter coragem para colocar suas mãos no fogo.
E depois disso, antes de tudo ou mesmo tarde, ser feliz.

(Espero que você ainda possa ter coragem)

7.7.11

Você é Pessólatra?

Você sabe o que é Pessólatra? Trata-se de um termo que inventei (será que alguém usa?) que significa "ser viciado em pessoas". Utilizei a palavra recentemente para uma amiga amada por causa da sua dependência quimica, psícobiofísica, espiritual e emocional de seres humamos (as vezes, não tão humanos assim...).

Há um ditado extraído - me parece- da ficção Robson Crusoe que fala "nenhum ser humano é uma ilha". Sim, também acho que ninguém pode se isolar pra fugir do mundo. Mas, o contrário também é patológico. Gente que busca gente o tempo todo. Será que é porque não consegue ficar consigo mesma?

Se você é um Pessólatra inveterado precisa lançar mão de alguma providência, seja terapêutica ou espiritual porque você está doente. A pessolatria leva à solidão. Sim, porque o pessólatra nunca está satisfeito com nada e sempre busca novas pessoas, como um vício, e descarta as velhas. O cume disso é a própria ilha.

Quem não consegue ficar consigo mesmo não pode ficar com ninguém.
É o mesmo tratado do amor. Quem não se ama, não pode amar ninguém.
Tudo começa com a gente...

JEITO DE MATO - POEMA DE ORIGEM DA LETRA

Fãs da Paula Fernandes, para quem não conhece este é o poema que originou a canção.

Depois, transformamos em letra com alguns ajustes.

Espero que gostem

 

Jeito de Mato

Por Maurício Santini
Para Paula Fernandes

De onde vem esses olhos tão tristes?
Da campina branda onde o sol se deita.
Do regalo de terra que o teu dorso ajeita.
E dorme serena, no sereno e sonha.

De onde é que salta essa voz tão risonha?
Da chuva que teima, mas o céu rejeita.
Do mato, do medo, da perda tristonha.
Mas, que o sol resgata, arde e deleita.

Há uma estrada que passa na fazenda.
E vai te levar ao destino, tua senda
Onde os anjos tocam tuas canções.
Há nas tempestades do tempo, uma tenda
Que vai proteger tua história, tua lenda
Das cheias e das devastações.

Sim, dos teus pés na terra nascem as flores
Tua voz macia aplaca as dores
E espalha as cores pelo ar.
Sim, dos teus olhos saem cachoeiras.
Sete lagoas, mel e brincadeiras
Espumas que formam as águas do mar.












6.7.11

FANATISMO NÃO É AMOR. RESPEITO SIM

Imagina que você acorda, lava o rosto, toma um banho, faz o desjejum. Pega seu carro e vai para o trabalho. Então, você vai ao restaurante ou a padaria comer alguma coisa. Chegando lá, você não consegue chegar na cadeira pra sentar. Tem que parar pra tirar foto com todo mundo. Daí, você se senta e pede o cardápio. Lá vem outra leva de gente falar com você. Para atender a todos, você pede qualquer coisa pra comer. Nesse ínterim, não consegue conversar com quem está ao seu lado. Quando chega a comida, vem gente fotografar a sua boca mastigando e outro tanto de gente querendo imagens. Você engole rapidamente pra sair do sufoco, paga a conta e vai pegar o carro. O manobista pede autógrafo. Pega o veículo e vai embora. Todo mundo no trânsito para e buzina. Você tem que acenar feliz. Chega no seu trabalho e recebe diariamente uma profusão de convites para massagens, almoços, jantares, coquetéis, lançamentos, a maioria deles querendo "crescer" em cima da sua imagem. O celular não para, o e-mail pipoca centenas de mensagens. Acaba o trabalho e vai jantar e acontece a mesma coisa. Vai fazer uma apresentação e as pessoas não deixam que você saia do ônibus, se acotovelando. Esbarram em você a acabam até por te machucarem. Você não consegue respirar e tem que atender a todos com sorriso de orelha a orelha. Vai para o hotel. E eles te colocam no lugar mais barulhento pra que você não consiga dormir. Fazem campana na janela de fora, gritam, soltam fogos e você não consegue descansar. Toma um banho e vai se trocar para o espetáculo. O celular não para. Você sai do seu quarto para o show, no corredor, dezenas, centenas de pessoas que você precisa parar, gente que quer te tocar a qualquer preço. No fim da apresentação, visualize a histeria 5 vezes pior. Você está cansado, exausto e tem que atender a todos até as 2 da manhã. Não pode ser normal, tem que ser simpático. Quando você finalmente se desvencilha de tudo isso pra dormir, não consegue por conta do barulho, até pegar no sono, agitado, turbulento.No outro dia, gente reclamando que você não deu atenção. Não tem vida própria, não come direito, não bebe direito, não namora, não faz nada que não esteja previsto. Repita isso 7 vezes por semana. Faça todo dia esse ritual...

O sucesso é mais complicado que o fracasso. Não é fácil lidar com o êxito.
A vida pública é totalmente devassada. Não existe privacidade alguma. Logicamente que o artista deve seu sucesso, além do  seu talento e carisma, ao público que o ama, seus fãs. Mas, amor demais passa a ser doentio, fanático, patológico. Isso acontece. Falta de ética, de respeito, de amor e consideração ao artista.

Queridos fãs, se gostam, apreciam, admiram o trabalho de um artista, por favor, o preservem, tratem-no de modo sereno, amoroso, sem fanatismos ou exageros. O artista é humano, ele acerta e erra. Não é divinal. No entanto, de tanto pseudo amor exagerado podemos matar alguém.
A obra é mais importante que o ser que a expressa. Pensem nisso.

5.7.11

Compra livro Eu, Pilatos pela internet

Amigos:
Agora ficou mais fácil comprar meu livro pela internet
Pode ser por aqui pelo blog ou pelo site Estante Virtual - http://www.estantevirtual.com.br/
Custa 29,90 + correio ou frete.

Pelo blog - depositar na conta do Itaú o valor de 34,90.
Banco 341
C/C 724087-7
Maurício Mattos Santini
Avise pelo e-mail: mauriciosantini@hotmail.com que fez o depósito.
Eu mando assim que receber autografado.

Pelo estante virtual todo o procedimento está no site http://www.estantevirtual.com.br/

Quem quiser ir às livrarias e pegar o exemplar diretamente, aqui estão alguns:

São Paulo e Santos
Livraria Arjuna
IPPB
Caminhos do Sol
Livraria Martins Fontes
Ganesha Livraria

Belo Horizonte:
Livraria Mineiriana

GAROTAS DE PROGRAMA NÃO CONSEGUEM SE ESCONDER

É curioso como eu reconheço uma garota de programa. Ela pode estar vestida de freira, mas parece que há uma postura universal quando se trata de prostitutas. Eu falo isso porque toda vez que há uma delas cruzando meu caminho eu percebo de pronto. E não é nenhum preconceito, é curiosidade.

Nao sou quadrado, nem moralista. Como dizem por aí, a prostituição é a profissão mais antiga do mundo. Não sou adepto, não uso este serviço. Pra mim sexo tem que ter abraço, beijo na boca, carinho. Não pode ser tão orgânico, mecânico, acadêmico. Mas, não recrimino que utiliza.

No entanto, posso perceber que muita gente naõ consegue enxergar. Creio que eu as reconheça por conta da energia que elas emanam. Logicamente que o comportamento é diferente. Puta não dá bola quando está fora de serviço, sabiam? Elas se escondem. Adoram doces, chocolates, mesmo porque falta o afeto, a serotonina da afeição. Mas, a energia empregnada na aura é viscosa, grudenta, turva. Todas as garotas de programa carregam isso porque misturam seus corpos físico e energético com uma série de outras pessoas. Contaminação energética. Se a gente se contamina com pouco, imagina elas...

No fundo são infelizes. E não adianta se esconderem porque o Plano Astral enxerga.
Elas vendem a energia sexual que ganharam de graça e fazem teatro com isso. Dá KARMA. E não é nada bom...

4.7.11

Lágrimas pra Deus

Lágrimas pra Deus

Sim, eu choro por Ti, Meu Senhor.
E as gotas que caem dos meus olhos,
formam esse lago do meu coração.

Sim, eu choro por Ti, Meu Senhor
Com as águas luzidias da compaixão.
E assim se fazem as cheias de amor e de perdão.

Eu choro por Ti, Senhor Meu.
Pai dos meus olhos vazantes.
Que mesmo sempre, tarde ou muito antes.
Se fez presente por chorar por mim.

Eu choro por ti, Senhor Meu.
Porque as enchentes que inundam meu peito.
Vazam dos sonhos e escorrem em meu leito.
Fazem brotar as flores e regar Teu Jardim.

(Recebido espiritualmente em reunião do IPPB)



O AR CONDICIONADO DO CORAÇÃO

Quantas vezes queremos firmemente alguma coisa e fazemos justamente o contrário para consegui-la? Tenho impressão que caminhei de maneira oposta em muitos segmentos da minha vida, principalmente na afetividade.

Nunca fui motivado pelo orgulho, pelo medo, pela vaidade. No entanto, dei "zilhares" de créditos a muitas pessoas que, no decorrer do tempo, se mostraram contrárias ao sentimento que eu devotei por elas. A maioria se nutria do meu amor como um combustível de autoestima. Não levaram nada em conta. Mas, como posso buscar amor em pessoas que desconhecem esta palavra até para si mesmas?

Minha conversa hoje é outra. Nâo espero nada de ninguém e prossigo sem dependência de qualquer ser que seja. Minha vida e meu bem estar independe do sentimento dos outros. A solidão vem de vez em quando, mas é preferível assim do que estar inadequadamente acompanhado.

E quando novamente uma brisa de amor tocar em meu rosto, espero que desta vez seja verdadeira e não artificial como um ar condicionado.
A grande maioria usa o condicionador de ar para fazer brisa ao coração.

1.7.11

PETERPANISMO - A VIDA ATÉ PARECE UMA FESTA!

Não confie em ninguém que trata a vida como se fosse uma festa eterna. Eu não estou me referindo às pessoas que demonstram felicidade e alegria de viver e sim, àquelas que só vivem fugindo das responsabilidades para apenas sairem de si mesmas. Conheço algumas assim, principalmente mulheres.

O que faz essas pessoas viverem como se a existência fosse uma eterna balada? Elas nunca estão presentes em nossas vidas quando a corda arrebenta, pode perceber... Nunca estão ao nosso lado quando mais precisamos. Apenas chegam nas festas, nas reuniões de amigos. Mas, quando a vida os aperta, lá vêm elas pedindo socorro, guarida, auxílio.

Serão sanguessugas? Vampiros? Oportunistas? Certamente que sim. E a vida vai dar uma porção de lambadas (já que elas gostam de ritmo) até aprenderem a amadurecer. Aliás, imaturidade é a principal característica - elas não conseguem envelhecer com dignidade, têm mêdo disso. Talvez, seja esse o motivo para tantas festas... a aversão pelo não envelhecimento.

Daí, você me pergunta: não é bom ser jovem? É sim, mas a juventude deve vir acompanhada de bom senso e responsabilidade. Logicamente a gente faz bobagem ao longo da jornada, mas estes dois predicados são anexos importantes porque a ALMA não tem idade. Viajar, passear, dançar, comer, beber, transar, tudo é bom, mas de modo equilibrado, não?

Contudo, acho que essa fuga aos eventos seja uma maneira de não se encontrar, de não se responsabilizar, de não crescer. É uma espécie de PeterPanismo, a recusa de se tornar maduro e não se enxergar.
Vai ver que é isso...

Cada qual defende o seu Jesus

O Cristianismo precisa de uma reforma urgente! Cada qual defende o seu Jesus. Para os cristãos, o Homem não é a imagem e a semelhança de ...