A SAUDADE DAS MENTIRAS DE AMOR

O mote do hilário filme Cilada.com é a dificuldade do personagem do ator Bruno Mazzeo em dizer "Eu te amo" para a sua amada. Depois de tanta peleja e da iminência de perder o amor da sua namorada, o personagem finalmente diz a frase de um modo inusitado (que eu não vou contar para não estragar para quem vai assistir).

Eu nunca tive dificuldade alguma em dizer a frase e, talvez, esse tivesse sido o meu maior defeito, entre tantos. Falar "Eu te amo" para quem realmente eu amo sempre foi uma atitude simples para um leonino que está ligado ao coração. Essa minha vocação franca e aberta de mostrar e expressar o meu amor sempre foi um entrave aos outros porque ser amada incomoda mesmo pra muita gente.

As histéricas (e quem há de negar que muitas mulheres, se não a maioria, são...) buscam o tempo todo a conquista do amor do outro. Quando conseguem não serve mais, justamente porque eles foram derrotados pelos encantos delas. Na verdade, o que elas buscam não é o amor mesmo e sim, a conquista...Apenas a conquista porque assim elevam a sua estima que é tão baixa...

Histerias à parte, tenho uma saudade imensa de dizer o meu amor para alguém, mas talvez isso seja de fato algum problema psíquico meu... Porque não é uma saudade de expressar o amor pelo filho, pela mãe, pelo pai, pelos amigos, pelos irmãos, pelos bichos... É um saudade de mito romântico, entende? Deve ser algo de mentirinha mesmo... Uma espécie de novela, de filme de amor, de cinema. Coisa de poeta bobo. Inventar esse amor que só existe nas fábulas.

Não é falta de paixão, mesmo porque paixão é a sombra projetada no outro, é projeção. Paixão é um estado patológico, não quero isso. Mas, falta de viver uma história de amor, mas talvez eu não mereça mais, sei lá... Ou nem existe.

"Ah, Maurício, mas têm tantas mulheres que gostariam de estar com você", dizem as pessoas. Eu respondo simplesmente que numa festa você têm muitas opções de comidas e bebidas.
Você pega todos os salgadinhos? Bebe todos os líquidos? Se empanturra de todos os doces?

Sinto-me como se eu estivesse num churrasco sem opções de saladas e antepastos. Tem tanta coisa boa, nutritiva, apetitosa, mas eu sou vegetariano.

Comentários

  1. Marina27.10.11

    EU AMOOO ESSE BLOG !!! =)))

    Beijos Marina

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas