42 - LUA BRANCA - CHIQUINHA GONZAGA - SÉRIE "AS 100 MELHORES MÚSICAS DO BRASIL"


A libriana Chiquinha Gonzaga fez uma das melodias mais belas do Brasil de todos os tempos.
"Lua Branca" me parece que nasceu em 1912, portanto, faz 100 anos. Engraçado como Lua tem relação com afetividade. Eu mesmo tenho uma canção que se chama "Lua da Minha Vida".

Chiquinha é uma das maiores compositoras populares do Brasil. Maria Bethânia gravou Lua Branca e eu a reproduzo aqui no blog. Chiquinha foi alvo de preconceitos (conforme dita os dizeres abaixo extraídos da Wikipedia):
"Aos 52 anos, após muitas décadas sozinha, mas vivendo feliz com os filhos e a música, conheceu João Batista Fernandes Lage, um jovem cheio de vida e talentoso aprendiz de musicista, por quem se apaixonou. Ele também se apaixonou perdidamente por essa mulher madura que tinha muito a ensinar-lhe sobre música e sobre a vida. A diferença de idade era muito grande e causaria mais preconceito e sofrimento na vida de Chiquinha, caso alguém soubesse do namoro. Ela tinha 52 anos e João Batista, apenas 16. Temendo o preconceito, fingiu adotá-lo como filho, para viver o grande amor. Esta decisão foi tomada para evitar escândalos em respeito aos seus filhos e à relação de amor pura que mantinha com João Batista, da qual pouquíssimas pessoas na época entenderiam, além de afetar sua brilhante carreira. Por essa razão também, Chiquinha e João Batista Lage, ou Joãozinho, como carinhosamente o chamava, mudaram-se para Lisboa, em Portugal, e foram viver felizes morando juntos por alguns anos longe do falatório da gente do Rio de Janeiro. Os filhos de Chiquinha, no começo, não aceitaram o romance da mãe, mas depois viram com naturalidade. Fernandes Lage aprendeu muito com Chiquinha sobre a música e a vida. Eles retornaram ao Brasil sem levantar suspeita nenhuma de viverem como marido e mulher. Chiquinha nunca assumiu de fato seu romance, que só foi descoberto após a sua morte através de cartas e fotos do casal. Ela morreu ao lado de João Batista Lage, seu grande amigo, parceiro e fiel companheiro, seu grande amor, em 1935, quando começava o Carnaval".

Aqui a versão de Bethânia:
http://letras.mus.br/maria-bethania/94717/

Abaixo, a original, sem letra:
http://www.youtube.com/watch?v=SdpQi4ceHYA


Comentários

Postagens mais visitadas