A esperança não é a última morre, ela simplesmente não morre!


A esperança não é a última morre, ela simplesmente não morre!
O sábio tem a certeza inabalável que o tempo trará bons ventos, assim como, as tempestades.
No entanto, é nos momentos mais entrevados que a esperança aparece, não nos dia de sol.
E sabemos que das sombras nasce a luz. E da luz, as sombras.
Então, se entrarmos num túnel, temos a fé inquebrantável que vamos sair dele, mesmo porque há uma saída, nem que seja pela entrada.

Certa vez um aprendiz de mestre disse que a esperança aniquilava a humanidade. Ele estava se referindo á esperança vazia, a estagnada. Sim, a esperança infrutífera.
Não estou me referindo a esta. Estou mencionando a esperança que é sinônimo da fé e da sabedoria. Aquela que sabe que existe luz e sombra, caos e ordem, chuva e sol.

Eu espero.

Comentários

Postagens mais visitadas