CELEBRAR O QUE DE FATO EXISTE: A VIDA


O dia de finados comemora algo que não existe.
O que é um finado? Alguém que teve fim? Um morto? Quem está morto?
Então o dia 2 de novembro celebra o Dia do Transformado? Do Reconfigurado? Do Desencapado? Do Desencarnado? E Dia do Vivo, não existe?
As pessoas Levam flores ao túmulo. Sim, ao túmulo como efeito decorativo. Por que você, como morto-vivo, visto que ninguém morre, ficaria em um cemitério colhendo flores?
Sim, você leva flores ao túmulo e não ao falecido, mesmo porquê ninguém falece.
A viúva pensa no cemitério.
O filho rende homenagens ao pai que se foi.
Mas, sabe-se lá se estas pessoas até voltaram?
De repente, este mesmo filho lembra do pai e chora, enquanto este mesmo pai está reencarnado como seu filho e brinca ao lado dele...
Há tantas coisas nos bastidores.
O melhor a fazer no dia 2 é celebrar a vida!
Porque a vida permeia o Universo em todas as dimensões.
Comemoremos o que de fato existe!
A Vida!

Comentários

Postagens mais visitadas