A IGNORÂNCIA DOS ARTISTAS ON THE ROCKS

A função de um espiritualista não é acomodar-se na zona de conforto de sua meditação. Se não houvesse gente descontente com a estupidez humana quase nada, desde a época das Cruzadas, teria mudado. Na verdade mudou pouco...

Tão pouco que uma campanha estúpida e estapafúrdia como esta do balde de gelo na cabeça das pessoas ganha mídia e redes sociais como sendo benéfica para atrair a atenção de uma doença e arrecadar fundos (?), mas que chama a atenção para a pequenez de tantos artistas. E não me digam que a campanha arrecadou milhões para ajudar as vítimas da esclerose lateral amiotrófica... E pelas vítimas de falta de água? Quantas pessoas estão acometidas por esta esclerose e quantas passam fome e sede no mundo?

Não bastasse a sede, a fome e a miséria que passa grande parte dos países da África e da América Central, não fosse a falta de água que acomete parte do Brasil por incompetência de seus políticos, estas pseudo celebridades "desantenadas" com o que acontece no orbe promovem verdadeiras palhaçadas on the rocks para chamar a atenção de seu público ainda mais alienado.

Por que não promovem campanhas para aniquilar de vez a miséria na face da Terra? Sim, concordo que devemos prestar apoio às vitimas de centenas de milhares de doenças, mas usar de um produto escasso e vital desperdiçando-o é no mínimo uma burrice sumária. Por que não promovem atitudes contra a chacina na Palestina? E por que não ajudam as vítimas de holocaustos de racismo e preconceito? A razão é simples: eles não estão nem ai para isso e sim, e tão somente, para suas imagens pré-fabricadas.

E são sempre os mesmos... Gente de baixa estirpe espiritual, elite brega sem arte.

Faça um favor para nós: tomem banho na alma e no caráter!

Comentários

  1. Anônimo22.8.14

    O texto é bom, vc te toda razão!Só um adendo: na foto postada está também a imagem do Rafinha Bastos erroneamente.
    O balde dele estava vazio, ele aproveitou a história do desafio para fazer uma crítica à situação. Inclusive passando o desafio para o Haddad, o Alckmin e a Dilma.

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas