O NATAL (sob a inspiração de Ramatys)

Ao invés de empanturrar-se de carnes gordurosas, empanturre-se de amor ao próximo, assim como a ti mesmo.
Em vez de abusar das bebidas alcoolicas, abuse da sua sabedoria e fique em paz. Seja a paz!
Troque a troca de presentes pela presença do seu amor à família.
Dê um abraço bem forte em seus amigos declarados, jamais ocultos.
Abra os presentes da esperança por um porvir melhor.
Ilumine as suas árvores com as luzes do discernimento.
Enfeite-as com os ramos da alegria.
Brinde à vida com as espumas do contentamento.
Todos nós somos Papais Noéis ao próximo.
Cada abraço, cada sorriso, cada brinde, cada cântico, cada beijo, cada acalanto é um presente incalculável que jamais será esquecido.
Comemore o nascimento do Cristo Vivo.
Recorde-se Dele.
Apenas este gesto já terá valido a pena ter sido celebrado.
A lembrança afetuosa do Seu Natal.

(sobre inspiração de SRY RAMATYS)

Comentários

Postagens mais visitadas