O NEGRO CARECA E A JAPONESA LOIRA

Durante uma semana, eu avistei um casal que me atraiu a atenção. Um negro careca e gordinho, aparentando uns 50 anos e uma japonesinha loira e magra, com uns 25. Entendi perfeitamente o recado.

Cada vez mais eu falo sobre a igualdade e a afinidade das diferenças. Não podemos ficar restritos aos padrões "normais" impostos pelas sociedades no decorrer de todo o século XX. O século XXI não comporta mais estes modelos.

Quando dois seres se encontram e falam de alma pra alma, não há diferenças. O preto alto e esguio com 20 anos pode casar com uma coreana de 50. Um protestante pode se atrair para uma espírita e assim nasce o bom senso de respeitar as escolhas.

Outro dia vi um cara de 2 metros de altura com uma menina de um metro e meio! Estavam felizes! Ele se curvava todo para beijá-la. É isso!

A gente tem que curvar para o amor!




Comentários

Postagens mais visitadas