KAHUNAS: SÓ EXISTE O AMOR E O MEDO. A VACINA É A CORAGEM

Fiquei emocionado quando, da boca da terapeuta Irene Carmo Pimenta, em palestra sobre os Kahunas, povo ancestral hawaiano, que há duas espécies de sentimento: Amor e Medo. O restante está interligado a estes dois elementos. 

Eu sempre tive esta ideia de que o oposto do amor é o medo e não o ódio. A manifestação odiosa pode ser uma expressão egoica ou até amorosa... Junto também o egoísmo como o oposto do afeto. 

Os Kahunas citam que o Medo e a Dúvida são os dois antagônicos do Amor. Onde há estes dois elementos não há espaço para o amor. Portanto, se você deseja experienciar o amor deve aniquilar o medo e dissipar as interrogações. As dúvidas são como mosquitos mentais. E o medo é um demônio que só tem força quando a gente o nutre. 

Mas, qual serão os antídotos para o medo e a dúvida. Uma vacina chamada CORAGEM! 

A palavra Coragem vem de dois termos latinos: COR (coração) e AGGIO (atitude). As duas unidas significam Agir com o Coração. Quem age com o coração não teme e varre as dúvidas. Amor de verdade passa por cima das diferenças etárias, geográficas e filosóficas, é destemido, enfrenta as adversidades como opiniões contrárias, nariz torcido de família, etc. Se não der certo você fez a sua parte. 

Portanto, quem quer viver em estado de ALOHA (amor incondicional) deve atentar para este penúltimo parágrafo que acabo de escrever. 



Comentários

Postagens mais visitadas