MÉDICOS DE SONHO E DE ALMA


Meus anos se passaram, deixei minhas alegrias para trás.
Cada segundo aumenta mais a minha dor.
Lamento que a minha vida atualmente esteja em preto e branco.
E os meus sonhos, que cor eles têm?

Já fui menina, já fui moça, amei um dia, mas hoje parece que o amor escapou das mãos do meu coração.
E as canções que me lembravam que eu era feliz, emudeceram neste quarto.
Hoje, lembrei-me dos meus pais, dos meus irmãos, do meu amor perdido.
Eu sinto que já não espero mais ninguém...

No entanto, volta um pouco do meu sorriso quando eu recebo a visita das cores.
Eles são outros Doutores que curam minha alma da agonia.
Eles seguram forte na minha mão e ainda posso sentir um resto de calor humano.
Eles tocam fundo na minha alma quando tocam seus violões e pandeiros.

Voltam as crianças, meus sonhos mais distantes, de roda, de festa, de vida.
Eles passam alguns momentos comigo que viram eternidades.

E eu volto a ser feliz por alguns minutos, do mesmo modo que eu já fui um dia...

Venham sempre para a minha euforia!
Hoje eu fui abandonada pela tristeza.
Hoje eu fui medicada pelos Doutores da Alegria!

Comentários

Postagens mais visitadas