QUANDO A FÉ ESTRAGA...

As eleições 2012 para Prefeito da maior cidade da América do Sul, São Paulo, inauguram uma nova plataforma político-religiosa, dentro de um Estado laico. 

Recebi uma carta do CARDEAL DOM ODÍLIO SCHERER de São Paulo sobre as eleições 2012. Dentro dela, santinhos do Gabriel CHALITA! 

Também pudemos notar o apoio da Igreja Universal e agregados ao candidato Celso Russomanno, o mesmo repórter que aproveitou a morte da sua esposa para se promover e estapeava as bundas nos carnavais paulistanos.

E ainda, vimos o candidato Serra, no velório de Hebe Camargo, o mesmo candidato que abandonou o governo de São Paulo para se candidatar a presidente da República, depois de ter assinado um termo de compromisso que isso jamais iria acontecer, isto é, não tem palavra. 

A fé cega é uma faca amolada, dizia Beto Guedes. E a má-fé política estraga. 




Comentários

Postagens mais visitadas