MPB NA ESPIRITUALIDADE




Pai, ainda agora eu me lembrei de você.
Sim, eu era adolescente e você ouvia suas músicas favoritas.
Rolava no seu som a linda voz do Ataulfo Alves e o vozeirão do Vicente Celestino.
E também as lindas vozes de Francisco Alves, Orlando Silva e Nelson Gonçalves.
Eu não entendia nada, mas percebia que você viajava naquelas canções.
E, para mim, amante do rock, sua música mais parecia coisa antiga e sem viço.
No entanto, o tempo passou, meu velho. E, hoje, homem feito, eu me recordo...
E sei do seu Amor pela música e o quanto você sonhava em também cantar.
Ah, mesmo sendo jovem, eu via como os seus olhos brilhavam.
Sabe?... Nada como o tempo para a gente amadurecer e reciclar o aprendizado.
E, aqui estou eu, lembrando-me de você, com respeito e admiração.
Os caras que você gostava realmente cantavam muito!
E embalaram toda uma geração de brasileiros da era de ouro do rádio.
E, se me permitir, eu quero, através de você, homenagear a todos dessa época.
Sim, a todos que tem a mesma saudade que você tem desses grandes cantores...
A todos os que viajaram naquelas canções de um Brasil rico de lindas vozes.
Pai, na era dos celulares e da Internet, eu estou aqui, lembrando-me de você.
E, como médium**, eu lhe digo: aqueles cantores continuam cantando no Astral.
A era de ouro do rádio continua, algures... E as grandes vozes ecoam pelo Céu.
Porque há algo mais... Um Amor. Uma Luz.

P.S.:
Ah, Pai! Os caras continuam, sim.
E você estava certo: eles cantam demais!***
E eu lhe garanto: a viagem continua...
E os seus olhos continuarão brilhando com as canções.
Porque as grandes vozes de ouro do Brasil continuam vivas.
Francisco Alves, Silvio Caldas, Mario Reis, Nelson Gonçalves, Vicente Celestino, Orlando Silva, Ataulfo Alves, Augusto Calheiros, Carlos Galhardo, e tantos outros...
Sim, eles vivem, eles vivem, eles vivem...

(Dedicado ao meu pai, Valdemar Borges, atualmente com 82 anos de “encadernação” – homem honesto, digno, e apaixonado pela música popular brasileira -, a Noel Rosa, e também a todos os admiradores das grandes vozes da era de ouro do rádio brasileiro, e que sentem saudades da época em que seus corações eram embalados por canções inesquecíveis.)

WAGNER BORGES

Comentários

Postagens mais visitadas