OS MONSTROS DO MEDO E O NOSSO BOM SENSO

Se eu deixar que o medo tome conta de mim, um monstro com diversas cabeças se instalará na minha vida. Isso é falta de confiança em Deus. Mas, sabemos nós que o medo é um dos sete demônios do homem, como dizia Molinero, guru de raja yoga.

Sincronicidade! Enquanto estava escrevendo esta linha, abri uma página de um livro e li a frase: onde vivem os monstros...

Pois é, vivem cá dentro de nós e são seres abissais. Como fazer para aniquilá-los? Fugir, enfrentar, fingir?

O medo pode ser uma ferramenta importante. Assim, podemos trazer um monstro para lutar por nós, ao nosso favor. É isso, fazer com que estes monstros atuem pela gente. Um medo pode evitar acidentes, pode barrar vontades que nos seriam nocivas. Pode nos preservar. No entanto, pode também nos sabotar e nos arremessar longe de uma felicidade.

Bom senso é a medida. Serenidade, equilíbrio, um passo de cada vez para perdermos o medo. Intuição e coragem! Estas são as palavras! Afinal, quem não quer ser feliz?

Comentários

Postagens mais visitadas